Domingo , 23 Abril 2017

 

A Universidade Salvador (Unifacs) será certificada, nesta segunda-feira (17), com o Selo da Diversidade Étnico-Racial, instrumento que representa uma política pública de sensibilização das instituições. A cerimônia ocorrerá no auditório da universidade, no Stiep, às 18h, e contará com a presença da titular da Secretária da Reparação (Semur), Ivete Sacramento, do chanceler da Unifacs, Manoel Barros, e da reitora da instituição, Márcia Barros.

 

No encontro, também será assinado um acordo de cooperação técnica com instituições parceiras que atuarão junto ao Comitê Gestor da Diversidade, Direitos Humanos e Cultura da Paz da Unifacs com a Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRAS), Grupo Gay da Bahia (GGB), site Dois Terços, Grupo Quimbanda Dudu (Direitos Humanos, Diversidade Sexual e Cidadania de Afrodescendentes) e a Universidade da Paz (UNIPAZ).

 

O Comitê da Diversidade, Direitos Humanos e Cultura da Paz, instituído pela universidade em 2016, é composto por professores, colaboradores e membros da sociedade. A proposta é fomentar iniciativas e propor novas estratégias para a promoção da diversidade, em consonância com o previsto no Pacto Universitário de Educação em Direitos Humanos.

 

 

Certificação - O Selo da Diversidade Étnico-Racial visa reconhecer as ações de promoção da equidade racial nas políticas de gestão de pessoas e marketing das organizações públicas, privadas e da sociedade civil em Salvador. Diversas instituições na cidade já foram certificadas com o selo, entre elas 15 franquias e filiais da rede McDonald’s na cidade.

 

O prefeito ACM Neto entrega nesta quarta-feira (12), às 9h30, geomantas aplicadas na comunidade de Vila Canária, na Rua Lindolfo Barbosa (próximo ao Clube Ipiranga). O local recebeu seis trechos com aplicação da geomanta, que agora dão estabilidade a uma área de aproximadamente 4 mil metros quadrados. Foram investidos, apenas nessa região, cerca de R$ 650 mil. Trata-se de uma tecnologia de estabilização de terrenos, com rápida aplicação, garantindo segurança em áreas de risco de deslizamentos.

 

 

Utilizada na cidade desde 2016, a tecnologia consiste na proteção das encostas através do revestimento composto de PVC e geotêxtil, com cobertura de proteção mecânica executada em chapisco jateado de cimento, areia e aditivos, para a prevenção de erosão. Ao todo, já foram investidos cerca de R$ 6 milhões na tecnologia de estabilização de encostas em áreas mais críticas da cidade, beneficiando locais como Brongo (IAPI), Pero Vaz, Calabetão, Arraial do Retiro, Paripe e Tancredo Neves.

 

O cidadão ou empresa que ainda vai declarar o Imposto de Renda 2017 pode ajudar a transformar a vida de milhares de crianças e adolescentes em Salvador. A ação é muito simples: por meio da destinação de até 6% do imposto devido no caso de pessoa física, e de até 1% no caso de pessoa jurídica. Os recursos vão para o Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA) e ajudam a apoiar dezenas de projetos sociais realizados na cidade. Este é o mote da campanha a ser lançada na terça-feira (11), a partir das 15h, no Palácio Thomé de Souza, pelo prefeito ACM Neto e pela secretária municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), Taissa Gama.

 

A iniciativa visa possibilitar que mais projetos sejam apoiados, auxiliando, principalmente, crianças e adolescentes de 0 a 17 anos moradoras de bairros carentes. “Com os recursos obtidos por meio das doações via Imposto de Renda, queremos ampliar o número de instituições apoiadas e localidades. Queremos também trabalhar as questões de segurança e saúde que envolvem esses jovens, oferecendo a eles melhor qualidade de vida e oportunidade de futuro”, destaca Taissa.

 

Os recursos do FMDCA são deliberados, geridos e aplicados pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), com fiscalização do Ministério Público da Bahia e Tribunal de Contas dos Municípios. O Conselho é responsável também, em parceria com a SPMJ, pela seleção e acompanhamento da execução dos projetos contemplados por meio de chamamento público. No ano passado, incluindo as doações por meio do IR, foram obtidos mais de R$7,8 milhões em recursos brutos.

 

Na coletiva desta terça, será detalhado de que forma o cidadão pode contribuir através da sua declaração anual de Imposto de Renda. 

 

 

 

A Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon) realiza nesta quinta-feira (06) uma fiscalização para identificação de irregularidades nos preços de produtos utilizados na ceia da Páscoa. A fiscalização será realizada na Feira de São Joaquim, a partir das 8h30. A equipe de agentes percorrerá a feira, tendo como ponto de encontro a sede do órgão (Rua Chile, s/n). A imprensa poderá acompanhar a fiscalização. A chefe de fiscalização Rose Estrela (98739-2290) estará à frente da equipe.

 

 

Referência na comercialização de pescados frescos na capital baiana, o Mercado Popular de Água de Meninos, na Ladeira da Água Brusca, na Cidade Baixa, será reaberto às 9h30 desta quarta-feira (5), em solenidade com a presença do prefeito ACM Neto. A estrutura, que tem 75 boxes e, atualmente, conta com 58 permissionários, foi totalmente requalificada em trabalho conjunto entre as secretarias de Manutenção (Seman) e de Ordem Pública (Semop).

 

A requalificação teve investimentos de aproximadamente R$ 800 mil. Na reforma foram instalados novos sanitários, pias e balcões. Os azulejos da área interna dos boxes foram substituídos por novos elementos, seguindo a orientação da Vigilância Sanitária. A iluminação passou a contar com lâmpadas em LED e barreiras foram colocadas nas áreas vazadas das paredes e teto para impedir a entrada de pombos.  

 

Toda a estrutura foi revitalizada, bem como as redes hidráulica e elétrica. Além disso, o espaço recebeu uma câmara fria, para acondicionamento adequado e eliminação do mau cheiro gerado pelas vísceras retiradas dos peixes que antes eram descartadas na via pública, gerando odores incômodos à vizinhança.

 

 

 

O prefeito ACM Neto autoriza nesta sexta-feira (31), às 10h30, o início da construção do Centro de Iniciação ao Esportes (CIE), na Rua da Ilha, Km 17, Itapuã. Serão investidos mais de R$ 6 milhões nos dois equipamentos, com recursos do Ministério dos Esportes e uma contrapartida do município, num espaço de 2,5 mil metros quadrados, sendo 1,6 mil metros quadrados de área construída. Outra unidade, no mesmo padrão, será construída em São Marcos, na Av. São Rafael, s/nº, com ordem de serviço em data a ser definida.

 

Os equipamentos contarão com ginásio poliesportivo, com arquibancada para 195 pessoas, além de área de apoio, com administração, sala de professores e técnicos, vestiários, chuveiros, enfermaria, copa, depósito, academia e sanitário. A ordem de serviço é uma das ações previstas na programação do aniversário de 468 anos de Salvador. 

 

Serão beneficiadas crianças entre 6 e 16 anos, através de projetos de iniciação esportiva realizadas nas duas comunidades. Os espaços serão adequados para a prática de diversas modalidades olímpicas, a exemplo de basquetebol, ginástica rítmica, handebol, judô, tae-kwon-do e vôlei. Também haverá adaptações para práticas de modalidades paraolímpicas, a exemplo do judô e voleibol sentado. As modalidades não-olímpicas que poderão ser praticadas nos CIEs são futsal e capoeira. 

 

 

 

O prefeito ACM Neto participará, nesta sexta-feira (31), às 9h, do Encontro Rede Juntos, que reunirá secretários municipais de todo o Brasil, prefeitos, presidentes de institutos e líderes empresariais. O evento, que acontece no Sheraton da Bahia Hotel, é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur), realizado em parceria com a Comunitas, organização que tem como objetivo estimular a participação da iniciativa privada no desenvolvimento social e econômico do país.

 

O encontro tem como objetivo compartilhar conhecimentos e expandir o aprendizado em gestão pública. Especialistas e gestores das áreas de educação, economia, negócios, recursos humanos e tecnologia falarão a respeito das suas experiências sobre os desafios da educação municipal, a melhoria do ambiente de negócios, comunicação e engajamento, gestão de pessoas e tecnologia e informação, respectivamente.

 

O secretário municipal de Desenvolvimento e Urbanismo, Guilherme Bellintani, aproveitará a oportunidade para apresentar medidas e leis antiburocracia que serão criadas para facilitar a abertura de empresas e a emissão de licenças para empreendimentos imobiliários. 

Dentro da comemoração pelos 468 anos de Salvador, o prefeito ACM Neto assina nesta quinta-feira (30) convênio para que a cidade receba os recursos voltados à implantação de um infocentro voltado para a capacitação de mulheres, inclusive aquelas em situação de risco. O convênio vai ser assinado em solenidade no Palácio Thomé de Souza, a partir das 15h. Caberá à Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres, Infância e Juventude a implantação do equipamento. 

 

O investimento será de R$1,6 milhão, fruto de uma emenda parlamentar da deputada federal Tia Eron, que estará presente na solenidade, assim como a ministra de Direitos Humanos, Luislinda Valois, entre outras autoridades

 

 

 

Prefeitura também assina ordem de serviço para requalificação do cartão postal

 

Há quase 100 anos, um presente de Natal instalado na Barra transformou-se – incluindo o entorno – em um dos mais belos e frequentados cartões-postais de Salvador e que receberá ações de tombamento e requalificação pela Prefeitura. O Monumento ao Cristo Nosso Senhor, mais conhecido como Cristo Salvador, será alvo da segunda ação da Lei de Preservação ao Patrimônio Cultural do Município (Lei 8.550/2014), organizado por meio da Fundação Gregório de Mattos (FGM). O tombamento acontece em solenidade realizada nesta quarta-feira (29), dia do aniversário de Salvador, a partir das 17h. Na ocasião, o prefeito ACM Neto apresenta, no local, edital para requalificação do monumento

 

O tombamento do Cristo Salvador traz como um dos motivos o fato de os monumentos públicos carregarem em si a simbologia de pertencimento, valores e memória de determinado lugar ou grupo social. A estátua foi indicada por traduzir-se numa obra de caráter religioso, resguardando valores da cultura local, além de simbolismos como bênçãos à cidade, fé cristã, proteção e paz.

 

Outro argumento de significativa relevância está na proximidade do centenário de existência da obra, o que reserva a ela mérito histórico e artístico. Integrada ao Morro, a estátua revela uma singularidade poética como elemento de composição de uma das mais belas paisagens da cidade, conferindo-lhe título de cartão postal. Também foi considerado o significado desse conjunto para a “Bahia de São Salvador”, enquanto marco de importância urbanístico-paisagística, reforçando e enaltecendo a necessidade de garantir a permanência no sítio onde está localizado o Cristo Salvador.

 

A primeira ação da Lei 8.550/2014 foi o tombamento do conjunto monumental do terreiro Hunkpame Savalu Vodun Zo Kwe, também conhecido como Vodun Zô, localizado no bairro da Liberdade. O próximo conjunto que deverá ser regido pela legislação municipal é a Pedra de Xangô, em Cajazeiras XI, previsto para o próximo mês de abril.

 

Intervenções – O projeto de requalificação ambiental do Morro do Cristo, na Barra, engloba tratamento dos acessos e valorização do monumento, principalmente após ação de tombamento municipal da estátua e das ações de requalificação urbanística e ambiental dos trechos de orla de Salvador, realizadas pela Prefeitura desde 2013. A intervenção compreende uma área de aproximadamente 500 m² e o investimento previsto é de R$1,2 milhão.

 

As ações no monumento contemplam nova alvenaria de contenção, implantação de piso e de iluminação cênica. Além do restauro da estátua do Cristo Salvador, será feita substituição do pedestal, que passará de granito preto para vidro, sem alterar as características do patrimônio a ser tombado. A mudança do pedestal, junto com a iluminação, tem como intuito fazer com que as pessoas tenham a impressão de que o Cristo pareça “flutuar” ao largo do mar.

 

O projeto contempla também a instalação de uma Praça das Bandeiras que, inclusive, poderá ser utilizada para realização de missas campais. Haverá também melhorias no acesso, com instalação das placas atuais de concreto por granito – o que garantirá maior durabilidade – formando degraus ao longo da encosta. Será mantida ainda toda a vegetação existente, com uma diferença: o plantio de novos coqueiros na localidade.

 

História - De um presente de Natal para Salvador na década de 1920 até se transformar em um dos mais belos e principais pontos de visitação da cidade. A história do Monumento ao Cristo Nosso Senhor, também conhecido como Cristo da Barra, Cristo Salvador ou, erroneamente, como Cristo Redentor, é cheia de encantos como a própria capital baiana, banhada pelo Oceano Atlântico e pela Baía de Todos os Santos.

 

Localizada na Barra, a escultura foi fruto de uma encomenda do conselheiro José Botelho Benjamim. Natural de Lençóis, Benjamim foi promotor na Comarca de Lavras Diamantinas e juiz da Comarca de Valença, que se estabeleceu em Salvador em 1898. Ao se converter ao catolicismo, resolveu presentear a cidade com um monumento em louvor a Cristo.  

 

A obra de arte ficou a cargo de Pasquale de Chirico, que se tornou um dos mais importantes escultores de obras públicas monumentais de Salvador do século XX. Feita em um único bloco de mármore Carrara, a estátua foi trazida da cidade italiana de Gênova para a capital baiana a bordo do navio Cervino. Inaugurada de forma solene em 24 de dezembro de 1920 – onze anos antes da instalação do Cristo Redentor no Rio de Janeiro – a cerimônia contou com discurso do padre Luiz Gonzaga Cabral, orador sacro da época, na gestão do então governador José Joaquim Seabra.

 

O primeiro local que abrigou o Monumento ao Cristo Nosso Senhor foi o Morro do Camarão, a alguns metros de onde a estátua está situada hoje. O pedestal era todo revestido em pedras de cristal de rocha da Chapada Diamantina, em alusão à região do benfeitor. No entanto, em 1967, a Aeronáutica decidiu transformar o local em área de segurança militar. A obra de arte, então, foi transferida para uma elevação defronte ao Morro Ipiranga e ganhou um novo pedestal, desta vez com base em granito preto. Com o passar dos anos, o local onde foi implantado o monumento passou a ser reconhecido como Morro do Cristo da Barra.

 

A nova localização deu maior visibilidade à obra de arte, cuja figura do Cristo possui 2,80m e 7m no total, contando com o pedestal. E mais: é uma das mais belas vistas da orla de Salvador, apreciada por moradores e visitantes principalmente para ver o pôr do sol na praia da Barra, até o Farol. Também hoje é ponto de encontro para um bom bate-papo, para o namoro e até mesmo para pequenas confraternizações ao ar livre.

 

 

 

Uma das principais obras relacionadas dentro da programação do aniversário de 468 anos de Salvador será entregue nesta quarta-feira (29). Trata-se da primeira etapa da contenção da encosta do Barro Branco, na Avenida San Martin, local que já sofreu muito com as chuvas. A obra será inaugurada pelo prefeito ACM Neto no dia do aniversário de Salvador, a partir das 10h30. Na mesma solenidade, será assinada a ordem de serviço para início da segunda etapa de intervenções. 

 

Realizadas pela Prefeitura, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), as intervenções englobaram a contenção de 1.682m² utilizando a técnica de cortina atirantada, dividida em duas partes: principal e complementar. A cortina principal possui 156m de extensão, 10m de altura e 0,25m de espessura. Já as cortinas complementares possuem um total de 75m de extensão, três metros de altura e 0,25m de espessura.

 

A execução da cortina atirantada envolveu escavação, perfuração do solo, introdução dos tirantes e telas metálicas, injeção de calda de cimento, concretagem e protensão (aumento da resistência do concreto) dos tirantes. Ao todo, foram 4.175m de tirantes e 590m³ de concreto. Na área restante, de 4,5 mil m², foi feito o retaludamento e execução de hidrossemeadura para proteção do terreno.

 

Além disso, foi implantada drenagem com instalação de canaletas na crista e no pé das cortinas, junto com as caixas de drenagem. Sendo assim, toda a água proveniente das chuvas será encaminhada para a rede de drenagem existente na Avenida San Martin, que fica à margem do Barro Branco. Para esta primeira etapa, foram investidos cerca de R$8,8 milhões.

 

A segunda etapa será composta por implantação de cortina atirantada em 599m² do lado direito e outros 209m² do lado esquerdo. Também será utilizada a técnica de solo grampeado em cerca de 200m² de encosta. O investimento para esta fase é de R$3,5 milhões.

 

Conjunto habitacional – De acordo com o secretário da Seinfra, Almir Melo, logo após a conclusão da segunda etapa de contenção da encosta será construído um platô para a implantação de um conjunto habitacional com 80 unidades populares. O projeto está em fase de elaboração e captação de recursos junto ao Ministério das Cidades. “Essa obra no Barro Branco é emblemática, pois alia contenção de encosta e moradia para a comunidade. Com isso, a Prefeitura cumpre o papel de resgatar a autoestima e confiança dos moradores, além de trazer segurança a uma das áreas de risco mais críticas de Salvador”, salientou Almir Melo.

 

Com 80 unidades populares, o projeto está em fase de elaboração e vai contemplar, prioritariamente, os moradores que perderam as residências no local por conta das fortes chuvas de 2015. 

 

 

 

Salvador completa 468 nesta quarta-feira, dia 29. Para celebrar a data, a Prefeitura preparou uma série de ações e inaugurações que acontecem em paralelo ao Festival da Cidade. Tudo começa logo cedo, a partir das 9h, com solenidade de descerramento da placa alusiva aos 200 anos da Revolução Republicana e homenageando Padre Roma, um dos líderes do movimento. A placa vai ser instalada no Campo da Pólvora (Rua do Carro, s/n - Nazaré), ao lado da estação do metrô, em evento que contará com a presença do prefeito do Recife, Geraldo Júlio.  

 

Padre Roma foi preso após desembarcar em Itapuã, vindo de Pernambuco. Ele veio à Bahia buscar apoio para o levante que pretendia derrubar a Monarquia, separar o Brasil de Portugal e implantar a República. Aqui, foi preso e condenado ao fuzilamento. Após o descerramento da placa, haverá uma Missa de Graça pelos 200 anos da Revolução Republicana e pelos 468 da Fundação da Cidade do Salvador, na Igreja do Santíssimo Sacramento de Sant'Ana (Rua do Carro, s/n - Nazaré, atrás do Fórum Ruy Barbosa). 

 

Dando sequência, o prefeito ACM Neto entrega, às 10h30, a primeira etapa da encosta do Barro Branco, na Avenida San Martin, uma das obras mais importantes do aniversário de 468 anos de Salvador. No mesmo local, será assinada ordem de serviço para realização da contenção da segunda etapa da encosta do Barro Branco. 

 

 

Às 17h, acontece a solenidade de tombamento e ordem de serviço de requalificação do Cristo da Barra, na Av Oceânica, s/n - Barra. Finalizando a programação, será inaugurada, às 18h30, a Praça João Mangabeira, na Rótula dos Barris. 

 

 

A Prefeitura dá hoje (28) um importante passo para a estruturação do sistema de mobilidade de Salvador. O contrato com o consórcio vencedor da licitação para elaboração do Plano de Mobilidade Urbana da cidade será assinado pelo prefeito ACM Neto e pelo secretário de Mobilidade, Fábio Mota. A cerimônia será às 15h, no Palácio Thomé de Souza.

 

O processo de licitação durou cerca de seis meses, entre a abertura das propostas e assinatura do contrato. Dez empresas/consórcios apresentaram propostas, duas foram classificadas e a que venceu o certame obteve a maior nota apresentando a melhor proposta técnica, oferecendo o menor preço. O consórcio vencedor foi o TTC/Oficina de São Paulo. O investimento da Prefeitura no estudo técnico, que deverá ficar pronto em sete meses, será de cerca de R$ 2,5 milhões.

 

Durante o período de elaboração do plano, estão previstas a realização de três audiências públicas. A primeira deverá ocorrer três meses após a assinatura do contrato, em que será apresentado à população um diagnóstico da mobilidade de Salvador. A segunda audiência ocorrerá no sexto mês e a pauta será sobre as propostas a serem contempladas. A terceira e última deverá ocorrer no sétimo mês, quando se dará a apresentação do Plano de Mobilidade Urbana de Salvador.

 

Sustentabilidade - O Plano de Mobilidade de Salvador será desenvolvido a partir de uma abordagem focada nas pessoas e em uma política de mobilidade urbana sustentável, com a participação continuada e integrada dos setores de transporte, trânsito, planejamento urbano, ambiental, entre outros, da Prefeitura e de setores sociais. O documento visa estabelecer o planejamento da área para curto, médio e longo prazos, além de estimular o desenvolvimento urbano integrado e sustentável do município em articulação com o PDDU e com Plano Salvador 500.

 

A elaboração do Plano de Mobilidade da Cidade é uma exigência tanto para cumprimento da Lei 12.587/2012, que institui as diretrizes para a Política Nacional de Mobilidade Urbana (PNMU), quanto pela necessidade de se estruturar mobilidade urbana de Salvador. Essa legislação institui como diretriz a prioridade aos meios de transporte não motorizados e ao serviço de transporte coletivo. A lei também determina que as cidades com mais de 20 mil habitantes são obrigadas a elaborar um Plano Diretor e devem criar um Plano de Mobilidade Urbana.

 

 

 

Unidade vai atender a 1.072 alunos do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA), e ainda há vagas disponíveis

 

O prefeito ACM Neto e a secretária municipal de Educação (Smed), Paloma Modesto, inauguram nesta terça-feira (28) a Escola Municipal de Periperi, às 10h30 (ao lado de escola estadual Praia Grande). O espaço foi completamente reconstruído após inúmeros problemas estruturais que comprometeram a segurança de alunos e professores, além de provocar interrupções das aulas em épocas de chuva. A escola atende a 1.072 alunos do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA), e ainda há vagas disponíveis.

 

Foram investidos na reconstrução da unidade R$ 2,1 milhões. A escola agora passa a contar com dois pavimentos, pátios cobertos, playground, 20 salas de aula, sanitários, inclusive com adaptação para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, além de diretoria, secretaria, cozinha, despensa, lavanderia, área de serviço, entre outros espaços. Essa é apenas uma das entregas da Prefeitura para celebrar os 468 anos de Salvador, comemorado no dia 29 de março. Com a nova estrutura, será possível receber até 1,6 mil alunos.

 

Obras – O primeiro passo para resolver parte dos problemas estruturais da unidade foi eliminar o desnível que havia entre a rua e a escola. Isso provocava constantes alagamentos em períodos de chuvas por conta do escoamento das águas para a escola, o que inviabilizava a manutenção das aulas. Sete salas chegaram a ser interditadas por esse problema, agravado pelo transbordamento do esgoto. Em seguida, foi dado início à reconstrução completa do equipamento de ensino, deixando para trás o quadro de abandono.

 

Balanço– A Prefeitura soma 239 unidades de ensino reformadas, reconstruídas ou construídas desde o início dessa gestão. Só neste ano, foram 28 unidades de ensino construídas ou com melhorias na infraestrutura. Cerca de 45% das unidades de ensino tiveram obras de melhorias (reformas e reconstruções), considerando as 418 unidades existentes de 2013. Esse esforço possibilitou ainda a ampliação do número de vagas do ensino infantil, passando de 17,3 mil em 2013 para 32,2 mil para o ano letivo de 2017.

 

As melhorias têm relação direta com a ampliação dos investimentos feitos pelo poder público no segmento. Antes, o investimento era de 22,79% do orçamento municipal, valor inclusive menor que o índice constitucional obrigatório, que é de 25%. Hoje, no entanto, se investe 27,27%. No ano de 2016, foi aplicado R$ 1,161 bilhão na educação, o que representa R$ 465,7 milhões a mais que em 2012. Já os recursos próprios aplicados tiveram um incremento de 87,211% em quatro anos de gestão. No período, foram contratados quase 3,6 mil profissionais.

 

 

 

Dentro da programação pelos 468 anos de Salvador, outro aniversariante também ganha nova sede com estrutura ampliada para realizar atendimentos de intermediação de mão-de-obra, capacitação profissional e estímulo e formalização de microempreendedores. O Serviço de Intermediação de Mão-de-Obra (SIMM), que também abriga o Centro do Empreendedor Municipal (CEM), terá nova sede inaugurada pela Prefeitura nesta terça-feira (28), às 9h, no Edifício Ouro Preto, na Rua Miguel Calmon, 506, Comércio (ao lado do Cartório de Registro Civil de Tabelionatos de Notas – 5º Ofício). A cerimônia contará com as presenças do prefeito ACM Neto e do secretário municipal do Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), Geraldo Junior.

 

Com a modernização, a nova instalação do SIMM terá a capacidade de atender o dobro de usuários – que na estrutura antiga era de 640 pessoas em média. Dentre as novidades, a nova sede do SIMM vai contar com todos os ambientes climatizados e dois auditórios, sendo um com capacidade para 30 e outro para 60 pessoas. Além disso, haverá uma sala para atendimento individualizado de psicologia, onde serão realizadas entrevistas e processos seletivos, e uma sala para reunião.

 

O atendimento ao candidato, a ser realizado no andar térreo, também terá painel eletrônico, novo maquinário e mobiliário O funcionamento da sede é de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, mediante distribuição de senhas, que são entregues a partir das 6h30.

 

Já o CEM mantém os atendimentos de orientação e formalização para os microempreendedores individuais (MEI), micro empresa (ME) e empresa de pequeno porte. O serviço realiza ainda regularização, qualificação, intermediação de crédito, facilitação e fomento para quem deseja abrir, manter ou expandir o próprio empreendimento. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

 

Demais locais – Além da sede localizada no Comércio, o público conta ainda com um ponto de atendimento do SIMM na Estação Ferroviária da Calçada, nas instalações da Agência da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE). O horário de atendimento é das 8h às 14h.

 

Quem preferir, pode comparecer a um dos postos situados nos bairros de Cajazeiras, na Estrada do Coqueiro Grande, 1.902; Boca do Rio, na Rua Abelardo Andrade de Carvalho, 141, anexo ao Colégio Imeja; e Cabula VI, na Praça da Mangueira, 84. Uma terceira opção é seguir para as Prefeituras-Bairro Centro/Brotas, Cabula, Cajazeiras, Cidade Baixa, Itapuã, Pau da Lima e Subúrbio/Ilhas, para realização de cadastro, busca por vagas e encaminhamento para entrevistas e seleções.

 

Os candidatos podem usufruir também do atendimento por hora marcada, que funciona das 7h às 16h30, pelo telefone 3202-2016 ou 0800-2853111 para ligações gratuitas. A documentação para acesso aos serviços em todos os postos é a mesma: originais da carteira de trabalho, carteira de identidade, CPF, comprovantes de residência e histórico escolar, além do número do PIS, Pasep ou NIS.

 

 

 

Terá início nessa sexta-feira (24), a partir das 8h30, o plantio de 110 árvores do bioma Mata Atlântica na Av. ACM – trecho entre o Parque da Cidade e o posto Jardim dos Namorados. A primeira etapa da ação, coordenada pela Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (Secis), será no estacionamento em frente ao Shopping Cidade (Itaigara), onde vão ser plantadas 50 árvores, entre Ipês Rosa, Branco e Pau-brasil, além de espécies arbustivas. O objetivo do plantio é de aumentar a cobertura vegetal da cidade aproveitando o período de chuvas na capital.

 

 

 

Dentro da programação pelo aniversário de Salvador, o prefeito ACM Neto lança, nesta quinta-feira (23), a partir das 15h, no Teatro Gregório de Mattos, o edital do Selo Literário João Ubaldo Ribeiro – Ano II, que contemplará a publicação de oito obras literárias, de autores soteropolitanos, nas categorias Conto, Crônica, Dramaturgia, Infantil, Poesia, Romance, Republicação e Categoria Livre.

 

Na mesma ocasião, será lançado o edital Arte Todo Dia – Ano III, que vai selecionar 30 propostas artístico-culturais de pequeno porte, de pessoas físicas, empreendedores e instituições. Durante o evento, a Fundação Gregório de Mattos irá apresentar o calendário de ações para o ano inteiro, incluindo o lançamento do Viva Cultura, que vai oferecer incentivos fiscais para quem investir em cultura na cidade. 

 

 

 

 

O prefeito ACM Neto apresenta nesta segunda-feira (20), a partir das 10h, no Teatro Gregório de Mattos, na Praça Castro Alves, a programação cultural e de entregas em comemoração aos 468 anos de Salvador. Na ocasião, o prefeito vai apresentar as atrações de mais uma edição do Festival da Cidade, bem como a relação de inaugurações, lançamento de programas e assinaturas de ordens de serviço. A programação vai se estender até abril. 


Crianças do Conjunto Recanto das Ilhas, em São Marcos, poderão contar com um novo espaço para brincadeiras a partir desta quinta-feira (13). O prefeito ACM Neto, acompanhado do secretário municipal de Manutenção (Seman), Marcílio Bastos, entrega a nova Praça Recanto das Ilhas (próximo ao GAAC, numa entrada em frente ao Hospital São Rafael), às 18h30, na presença de moradores da região.

 

O local conta com área de 449m², numa região com perfil residencial, sendo, portanto, uma opção de lazer para público de todas as idades. A praça que foi recuperada pela Seman agora conta com espaço e parque infantil, academia de saúde para promoção do bem estar de adultos e idosos, pergolado de eucalipto, que dá um charme ao cenário, além de mesas de jogos e bancos antivandalismo. Completam o projeto piso intertravado, nova iluminação e paisagismo.

 

Os equipamentos instalados são confeccionados pela fábrica da própria pasta, localizada na BR-324. A medida é o principal vetor para as mudanças e, principalmente, para a economia dos gastos públicos. 

 

 

 

O prefeito ACM Neto lança nesta quinta-feira (16), a partir das 10h, em coletiva no Sheraton Hotel da Bahia, no Campo Grande, a Operação Chuva 2017. Também está presente o diretor-geral da Defesa Civil de Salvador, Gustavo Ferraz. Durante a coletiva, serão apresentados todos os detalhes sobre as ações da Prefeitura para prevenir e enfrentar os efeitos das chuvas na cidade, a exemplo do fortalecimento dos alertas com novos recursos administrativos, tecnológicos e comunitários e do monitoramento em tempo real das áreas de risco. 

 

Praticamente toda a Prefeitura estará envolvida na Operação Chuva 2017, que conta ainda com o apoio de voluntários. Durante a coletiva, será feito um balanço dos investimentos na área da prevenção, a exemplo das obras de contenção de encostas e aplicação de geomantas, bem como apresentada a estrutura de acolhimento social das famílias que necessitarem do apoio do poder público municipal. 

 

 

A Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) realiza a partir desta quinta-feira (16) um mutirão no bairro de Paripe, realizando serviços como capinação, roçagem, varrição, retirada de terra de vias públicas, pintura do meio fio, numa varredura em toda a região. O ponto de encontro será na Praça João Martins , às 7h30, com execução até 15h. Os serviços seguem até o domingo (25).

 

Serão disponibilizados 67 agentes, separados em três equipes com 22 trabalhadores e uma profissional de educação ambiental, e 23 equipamentos, a exemplo de roçadeiras, caminhões, caçambas, munck e pá carregadeira. Com essa ação, a comunidade será incentivada a descartar até móveis usados, geladeiras, fogões, camas, colchões e outros objetos inservíveis, além de identificar possíveis focos da dengue. 

 

Serão beneficiados moradores da Rua do Mutirão da Bélgica, Rua Oito de Dezembro, Rua Almirante Barroso, Rua Paraná, Rua 21 de Setembro, Rua Maceió, Rua Sergipe, Rua Amazonas, Rua Cardeal da Silva, Rua Acre, Rua de Deus, Rua Pará, Rua Recife, Avenida Olinda, Rua Marquês de Olinda, Rua da Rua e transversais.

 

 

Subcategorias