Sexta-Feira , 16 Novembro 2018
0
0
0
s2sdefault

Estão abertas as inscrições para a primeira edição do Festival FG EnCena, que acontecerá entre os dias 30 de novembro e 2 de dezembro, no Colégio Estadual Dois de Julho, na Rua Mello Moraes Filho, 311. Voltado para artistas e empreendedores negros interessados, o evento é uma iniciativa da DiPreta Produções e foi contemplado no Edital Arte Todo Dia – Ano IV da Fundação Gregório de Mattos (FGM). A atividade faz parte da programação do Mês da Consciência Negra, celebrando o Dia Municipal da Cultura Afro.

A programação do festival conta com roda de conversa, apresentações artísticas, sarau, mostra cultural, cortejo performático, oficinas e uma feira de empreendedores negros. As inscrições para grupos e artistas ficam abertas até o próximo dia 10. Para expositores, as inscrições podem ser feitas até o dia 15. Todas as informações podem ser conferidas na página do Festival FG EnCena no Facebook.

A proposta é mapear grupos e artistas negros da Fazenda Grande do Retiro e região, com o intuito de dar visibilidade a projetos autorais de quem já vem desenvolvendo trabalho artístico e cultural. A partir do lema “Não há nada mais profundo que a cor da pele”, do escritor Paul Valéry, o projeto objetiva abarcar discussões e expressões artísticas e socioculturais que promovam a reflexão acerca de temas como combate ao racismo, uso da cultura como ferramenta de desenvolvimento humano, empreendedorismo e estética afro, identidade, sexualidade, participação social da mulher negra e intolerância religiosa.

“A Fazenda Grande tem um caldeirão de artistas e produtores culturais. O FG EnCena vem com essa proposta de aglutinar esses atores numa verdadeira ocupação cultural do bairro. A gente precisa disso, precisamos ressignificar a visão de que a Fazenda Grande é apenas mais um bairro perigoso. Nós produzimos cultura e arte e precisamos mostrar isso”, diz Geise Oliveira, moradora da comunidade e idealizadora do projeto.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Salvador vai ganhar um novo espaço gastronômico, de lazer e entretenimento, e que também dá continuidade ao processo de requalificação da orla da cidade. A Vila Jardim dos Namorados, localizada em uma área do estacionamento do Jardim dos Namorados, na orla da Pituba, surge fruto de uma parceria entre a Prefeitura e a iniciativa privada. A inauguração acontece nesta quarta-feira (07), às 18h30, com a presença do prefeito ACM Neto e do secretário municipal de Cultura e Turismo (Secult), Cláudio Tinoco, entre outras autoridades.  

A Vila Jardim dos Namorados abriga seis quiosques que oferecem desde pratos típicos da terra, como o tradicional acarajé, até os mais refinados hambúrgueres gourmet e itens da cozinha mediterrânea. Além disso, o espaço vai movimentar toda uma cadeia produtiva da cidade, gerando emprego e renda desde a área de serviços até produtores de matéria-prima, setor publicitário e artístico, impactando tanto na economia como no turismo.  

A inspiração para a instalação do equipamento, que tem o apoio da Prefeitura mas que foi implantado pela iniciativa privada, vem da Vila Caramuru, localizada na orla do Rio Vermelho e que é um sucesso de público e renda. Assim como a antecessora, a Vila Jardim dos Namorados, que possui estacionamento para até 300 veículos e segurança 24 horas, terá um mix de quiosques gastronômicos diversificado, além de oferecer shows e outros tipos de entretenimento artísticos. É um equipamento que contribui também para o processo permanente de requalificação da orla de Salvador conduzido pela Prefeitura.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

O prefeito ACM Neto e os secretários Tiago Dantas (Gestão) e Marcus Passos (Ordem Pública) participam nesta segunda-feira (5) do lançamento do REDA para o Salvamar e anúncio de parceria com a Mahalo para fornecimento de uniformes para os salva-vidas. O evento será realizado às 14h30, no Palácio Thomé de Souza (Gabinete do Prefeito). Com a contratação de mais profissionais, a Salvamar pretende intensificar os serviços em toda a orla de Salvador durante o verão, época em que há uma maior demanda nas praias por parte dos baianos e turistas. O número de salva-vidas contratados e outros serviços previstos pelo Salvamar durante o verão também serão apresentados na coletiva desta segunda-feira.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Técnicos e dirigentes da Fundação Mario Leal Ferreira (FMLF), Secretaria de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Casa Civil e Superintendência de Obras Públicas do Salvador (Sucop) que atuam na unidade gestora do Projeto Mané Dendê participaram, nesta quarta-feira (31), do primeiro dia de capacitação com especialistas do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para montagem do amplo projeto socioambiental que será executado pela Prefeitura no Subúrbio Ferroviário. O encontro aconteceu no Empresarial Thomé de Souza, na Avenida ACM, e segue até amanhã (1º). 

Os analistas do BID iniciaram a atividade discutindo conceitos referentes à Estrutura Analítica de Projetos (EAP), ferramenta que constitui o primeiro passo para o planejamento de um projeto, ao fornecer uma visão estruturada de ações, agenda, gerenciamento de riscos, distribuição de tarefas e entregas. Esse instrumento foi usado para uma dinâmica com os participantes, que montaram uma espécie de lista de tarefas para confecção do escopo do Novo Mané Dendê. 

Na prática, o projeto consiste em uma gama de ações de sustentabilidade social, econômica, urbana e ambiental que será executada em Alto da Terezinha, Plataforma, Ilha Amarela, Itacaranha e Rio Sena. Para tanto, será disponibilizado um montante de R$502 milhões, sendo metade dos recursos da gestão municipal e o restante proveniente do BID. Trata-se do maior investimento público da história da Prefeitura de Salvador na área do Subúrbio da cidade - o contrato de financiamento foi assinado pelo prefeito ACM Neto em junho passado. 

De acordo com a presidente da FMLF, Tânia Scofield, há atualmente um projeto básico desenvolvido, que vem sendo discutido com moradores das comunidades que serão beneficiadas. “Pelo fato do projeto ter uma dimensão social e física muito grande, são necessários vários estudos e reuniões com os moradores. Por isso, estamos trabalhando em toda a área da sub-bacia do Rio Mané Dendê, que contempla cerca de 34 mil pessoas”, explicou Scofield, que marcou presença no curso. 

A titular da FMLF acrescentou que o projeto Novo Mané Dendê abarcará inclusive o reassentamento de moradores dos bairros que serão alcançados, além de promoção de programas de geração de renda dos cidadãos. “Vamos continuar debatendo com a comunidade nos próximos meses. Já fizemos nove reuniões para passar informações e tirar dúvidas”, destacou.  

Capacitações – O chefe de equipe do BID, Gustavo Mendez, ressaltou que a atuação da organização internacional junto à Prefeitura envolve muito mais que o fornecimento do crédito para as obras que serão realizadas. “O BID apoia com diferentes instrumentos de gestão e capacitações. Já tivemos sobre políticas de aquisições e financeiras, e ainda faremos atividades que envolverão temas de gestão ambiental e social, seguindo as políticas do BID”, disse Mendez. “Por se tratar de um programa multissetorial, com diversas intervenções da bacia do rio Mané Dendê, requer um planejamento bem cuidadoso, que articule as atividades de maneira adequada para que haja eficiência em sua execução”, completou. 

Intervenções - Tanto a conclusão do projeto quanto o início de obras do Novo Mané Dendê estão previstos para segundo semestre de 2019. As intervenções envolverão macrodrenagem do rio Mané Dendê, implantação da rede de esgotamento sanitário novas ligações, tratamento e disposição final de seus efluentes. Além disso, moradias que se encontram em áreas de risco e nas linhas de drenagem serão realocadas, e outras construídas dentro da área do projeto para o reassentamento de famílias. 

O contrato prevê ainda a urbanização de áreas públicas, a construção de passeios e rotas de acessibilidade, a execução de um sistema de drenagem complementar e a recuperação do sistema de drenagem existente. Os moradores da região do Mané Dendê também serão contemplados com a construção de um mercado público, duas creches, um centro cultural multiuso, um terminal de ônibus, 24 praças, além de vias de acesso de transporte público e recuperação das nascentes existentes no local. A previsão é que as intervenções sejam concretizadas em 2023.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Na reta final para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os alunos do projeto IngreSSAr vão participar de um aulão gratuito a ser realizado nesta quinta-feira (1º), às 10h30, no auditório do Subúrbio 360, localizado na Rua da Paz, s/n, Coutos. Cerca de 400 estudantes, incluindo também os de duas instituições de ensino médio da região, vão participar da atividade. O prefeito ACM Neto estará presente. 

O aulão será ministrado por professores dos cursos preparatórios Os Aprovados e Pré-Enem, credenciados pela Prefeitura para o IngreSSAr. Desde julho último, cerca de 300 estudantes em Salvador participam gratuitamente de aulas de preparação para o Enem, através do IngreSSAr. O projeto, promovido pela Prefeitura, é voltado para estudantes de baixa renda. As provas do exame acontecem nos próximos dias 4 e 11.

Projeto – O IngreSSAr promove o acesso gratuito de alunos de baixa renda, e que concluíram o Ensino Médio, a cursos preparatórios para o Enem conveniados. Por meio do projeto, os estudantes contam com uma preparação que custa, em média, R$ 3 mil para os demais alunos.

Para ter acesso ao curso preparatório por meio da ação da Prefeitura os alunos cumpriram alguns critérios, como ser egresso de escola pública ou ter tido bolsa integral em escola da rede particular, ser integrante de famílias cadastradas no Programa Bolsa Família e morar em Salvador. A Prefeitura destinou 5% do total de vagas ofertadas para pessoas com deficiência, 30% para negros e 5% para jovens da Fundação Cidade-Mãe (FCM).

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto inaugura hoje (30), às 18h30, a Praça Frei Hildebrando Krutganp, na Rua Waldemar Falcão, no Candeal, próximo ao colégio Estadual Luiz Viana. Com 774 m² de área, esse antigo espaço de convivência foi totalmente requalificado pela Prefeitura, por meio da Companhia de Desenvolvimento Urbano de Salvador (Desal), órgão subordinado à Secretaria Municipal de Manutenção (Seman).

 

O local agora conta com espaço infantil – com vários brinquedos e alambrado com armação em eucalipto –, academias de saúde e musculação, bancos modulares feitos contra vandalismo, mesas de jogos, piso intertravado, casa de Tarzan, balancinho, amarelinha, pista de patins, acessibilidade, paisagismo, pergolado, iluminação e comunicação visual.

 

A área verde da região foi preservada e compõe mais de 63% da praça. A requalificação do equipamento contou com o apoio da Casa Civil, Ouvidoria Geral do Município, Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) e Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop). 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Artistas interessados em disputar prêmios que chegam a R$ 13 mil, na terceira edição do Festival de Música Universitária de Salvador (MUSA), têm até o dia 8 de novembro para inscreverem suas composições no site do evento. A iniciativa é realizada pela Prefeitura, por meio da Empresa Salvador Turismo (Saltur), e tem o apoio da Fundação Gregório de Mattos (FGM).

Dezesseis artistas serão selecionados para a fase final, marcada para o dia 17 de novembro, na área externa do Espaço Cultural da Barroquinha, no Centro. Os concorrentes apresentarão as canções em disputa, em espetáculo que será finalizado pela banda IFÁ Afrobeat.

O evento começa às 19h e terá entrada gratuita. As apresentações serão analisadas por um júri técnico formado pelas cantoras Márcia Castro, Thathi e Bruna Barreto, sob o comando do diretor musical do cantor e compositor Luciano Salvador Bahia.

Lero Musical – Enquanto o júri delibera, o interior do Espaço Cultural recebe um debate histórico-musical comandado pelos cantores Paulinho Boca de Cantor, Sílvia Patrícia e Gerônimo. A iniciativa, intitulada "Lero Musical", permitirá aos artistas contar e cantar as histórias e canções mais importantes de suas carreiras.

"O MUSA é um espaço que, ano a após ano, vem sendo abraçado por artistas universitários da Bahia, que têm nele a possibilidade de mostrar seu talento. É, sobretudo, um espaço de diálogo criativo e irreverente em crescimento e que aponta tendências e novos caminhos para a música produzida na Bahia", explica Eliana Pedroso, idealizadora do festival, que teve a primeira edição realizada em 2016.

Quanto à premiação, o MUSA, cujo slogan é "Atitude e Criatividade", oferecerá R$3,5 mil para a primeira melhor música; R$2,5 mil para a segunda e R$1,5 mil para a terceira. Além disso, a melhor banda receberá R$3,5 mil, R$1 mil será destinado ao melhor intérprete e R$1 mil para o melhor instrumentista, totalizando R$ 13 mil em prêmios.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

A Prefeitura inicia nesta quinta-feira (25) as obras de requalificação da Avenida Sete de Setembro e da Praça Castro Alves. Sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), com projeto da Fundação Mario Leal Ferreira, as intervenções irão melhorar a mobilidade e o aproveitamento do espaço público, contribuindo para o processo de retomada do potencial econômico, histórico e cultural dessa área da cidade. A ordem de serviço será assinada pelo prefeito ACM Neto nesta quinta, às 9h, na Praça Castro Alves.  

 

A previsão de duração das obras é de 14 meses. As intervenções envolvem revitalização e ampliação de calçadas em pedra portuguesa, preservando as características históricas originais, inclusive os brasões; troca do asfalto; delimitação de vagas de estacionamento; iluminação em LED; implantação de fiação subterrânea; criação de áreas de convivência; drenagem; adaptação de piso tátil e instalação de rampas para acessibilidade.  

 

As obras, que serão divididas em etapas, irão acontecer entra a Casa D´Itália e a Praça Castro Alves, com investimento de R$ 17,5 milhões, com execução do Consórcio Nova Avenida Sete, que venceu a licitação. Na Praça Castro Alves, todo o piso será intertravado e compartilhado, com retirada do asfalto, produzindo um novo efeito estético ao local. Todos os detalhes serão apresentados nesta quinta (25) pelo prefeito ACM Neto. 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

O estudo de viabilidade econômica para concessão do novo Centro de Convenções de Salvador será apresentado a empresários, investidores, consultores e agentes financeiros nesta quarta-feira (24). O evento acontece às 9h, no Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande, e conta com as presenças do prefeito ACM Neto, do secretário Municipal de Cultura e Turismo (Secult), Cláudio Tinoco, e demais autoridades municipais. A medida repete a divulgação realizada em São Paulo, na última semana, com o intuito de atrair grandes investidores com experiência na gestão de equipamentos similares. 

 

"A apresentação de quarta-feira também tem caráter consultivo. Queremos a contribuição dos participantes para a elaboração do edital, que deve ser lançado para consulta pública no próximo mês”, explica Claudio Tinoco. O secretário afirma, ainda, que a Prefeitura deve lançar o edital de contratação em dezembro. “Isso permitirá que a empresa operadora seja contratada até abril de 2019, seis meses antes do prazo de término da construção do Centro de Convenções. Assim, o futuro operador poderá acompanhar a conclusão de perto e já avaliar possíveis investimentos”, conclui Tinoco. 

 

Eventos e negócios - Com obras já iniciadas, a previsão é que o Centro de Convenções de Salvador esteja concluído no prazo de um ano, na orla da Boca do Rio. Com investimento de R$105,2 milhões, o novo empreendimento vai reposicionar a capital baiana entre os mais atrativos polos de turismo de eventos e negócios do Brasil. O antigo equipamento, que era administrado pelo governo do estado, fechou definitivamente há dois anos, após desabamento parcial e abandono, gerando uma perda de R$2 bilhões na área do turismo de eventos e negócios na capital baiana. A Prefeitura decidiu assumir a responsabilidade para recuperar o tempo perdido. 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Quase um ano e sete meses após o início das obras, uma das maiores obras de contenção de encosta em Salvador - a da localidade do Barro Branco, no Alto do Peru – terá a segunda etapa entregue pela Prefeitura neste sábado (20), às 10h (acesso pela Avenida San Martin, próximo ao Largo do Tanque). A cerimônia contará com as presenças do prefeito ACM Neto e do secretário municipal de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Almir Melo, dentre outras autoridades. A localidade foi uma das mais prejudicadas com as fortes chuvas que caíram na capital baiana em 2015. 

 

Com investimento de R$4,6 milhões e obras realizadas pela Seinfra, por meio da Superintendência de Obras Públicas (Sucop), a intervenção nesta segunda etapa englobou a implantação de cortina atirantada em 599 m² do lado direito e outros 209 m² do lado esquerdo. Além disso, foi utilizada a técnica de solo grampeado em cerca de 200 m² de encosta. 

 

A medida complementa a primeira etapa da encosta no Barro Branco, entregue em 29 de março de 2017 – mesmo dia do aniversário de 469 anos de Salvador e da assinatura da ordem de serviço para as obras da segunda etapa. Na ocasião, foi realizada a contenção de 1.682m² de área de risco utilizando a técnica de cortina atirantada, dividida em duas partes: principal e complementar. O investimento para esta ação foi de cerca de R$8,8 milhões. 

 

A cortina principal possui 156m de extensão, 10m de altura e 0,25m de espessura. Já as cortinas complementares possuem um total de 75m de extensão, três metros de altura e 0,25m de espessura. A execução da cortina atirantada envolveu escavação, perfuração do solo, introdução dos tirantes e telas metálicas, injeção de calda de cimento, concretagem e protensão (aumento da resistência do concreto) dos tirantes. 

 

Ao todo, foram 4.175m de tirantes e 590m³ de concreto. Na área restante, de 4,5 mil m², foi feito o retaludamento e execução de hidrossemeadura para proteção do terreno. Além disso, foi implantada drenagem com instalação de canaletas na crista e no pé das cortinas, junto com as caixas de drenagem. Com isso, toda a água proveniente das chuvas passou a ser encaminhada para a rede de drenagem existente na Avenida San Martin, que fica à margem do Barro Branco. Além da contenção, em ambas as intervenções, também foram implantados nova pavimentação e meio-fio. 

 

Balanço – Desde 2013, a Prefeitura já entregou 57 obras de contenção de encostas, incluindo as marítimas. Nove projetos estão em execução e outras 12 estão a iniciar. O investimento global é de R$ 114,2 milhões, com recursos municipais e federais. Dentre as localidades beneficiadas estão Cosme de Farias, Federação, Vale das Pedrinhas, Ladeira do Cacau, Avenida Contorno, Canabrava, São Cristóvão, Itapuã, Saramandaia, Rio Vermelho, Luiz Tarquínio, Saboeiro, Santa Mônica, Costa Azul, Estrada Velha do Aeroporto, São Caetano, Liberdade, São Tomé de Paripe, Estrada da Rainha, Fazenda Grande e São Marcos. 

 

Outra solução adotada pela Prefeitura para as áreas de risco são as geomantas. Desde 2015, a técnica inovadora de proteção de encostas utilizando material composto em PVC e geotêxtil já foi aplicada, sob a coordenação da Defesa Civil de Salvador (Codesal), em 115 pontos da cidade. No total, são 77 mil m² de área que trazem mais tranquilidade e segurança para os moradores, principalmente no período chuvoso, em localidades como o Conjunto ACM  (Cabula), Parque Sílvio Leal (Cajazeiras VI), 1ª Travessa João Rodrigues Mendes (Boa Vista do Lobato) e Rua da França (Sete de Abril), dentre as mais recentes.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

A Prefeitura lança nesta terça-feira (16) um programa que irá ampliar as vagas da Educação Infantil em parceria com unidades privadas de ensino. A iniciativa, coordenada pela Secretaria Municipal de Educação (Smed), vai oferecer, já no próximo ano letivo, 10 mil novas vagas para crianças em idade de pré-escola (4 e 5 anos) não matriculadas na rede pública ou conveniada. O lançamento acontece no gramado do Parque da Cidade, no Itaigara, a partir das 9h30, em um evento repleto de crianças e com a presença do prefeito ACM Neto e do titular da Smed, Bruno Barral.  

 

O investimento inicial previsto no programa é de R$30 milhões, com recursos próprios do município. Em síntese, o programa irá funcionar da seguinte maneira: em um determinado bairro onde não houver disponibilidade na rede pública ou conveniada de ensino, a demanda será suprida com a contratação, pela Prefeitura, de vagas em instituições privadas de ensino previamente selecionadas e credenciadas junto à Smed. 

 

Durante o lançamento, todos os detalhes do programa serão apresentados pelo prefeito ACM Neto, a exemplo dos critérios para seleção das unidades privadas de ensino parceiras e dos estudantes contemplados. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Vulnerabilidade social, abandono pela família e problemas de saúde são fatores que contribuem para exclusão da população idosa. Pensando em preencher o tempo dessas pessoas e oferecer uma assistência adequada, o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos com Idosos, criado há aproximadamente três anos, assiste a cerca de 100 pessoas e faz parte do programa social do Instituto Médico de Gestão Integrada (Imegi), que administra o Multicentro da Carlos Gomes.

Os encontros acontecem sempre às quartas-feiras, durante todo o ano. Os idosos participam de atividades que trabalham a memória e a autoestima, além de contarem com uma equipe formada por um psicólogo, duas assistentes sociais, uma fisioterapeuta e uma técnica de enfermagem.

“Muitas dessas pessoas são usuárias do SUS, são hipertensas, diabéticas, depressivas, algumas com Alzheimer, outros com esquizofrenia, todos precisando de cuidados e atenção. Aqui eles são assistidos de forma ampla, com todos esses profissionais”, conta o psicólogo e responsável pelo projeto, Samuel Nunes.

O psicólogo ainda destaca que os encontros acontecem às quarta-feiras, mas o programa prossegue durante toda a semana. “Fazemos visitas domiciliares, acompanhamento psicológico dos idosos e da família, além de marcação e atendimento de consultas”, conta.

Graças à parceria com o SESC, também são oferecidos cursos semanais gratuitos de criação de bonecas, decoração de festa, pintura em tecido, bordado, macramê e muitos outros, além de receberem palestras de nutricionistas, médicos, fisioterapeutas e enfermeiras disponibilizadas pelo Imegi.

Para Walter Pereira, de 79 anos, que costumava passar grande parte do seu tempo em casa sem ter uma ocupação, esse programa é muito importante. “Eu acho excelente. Para mim, é fundamental participar de um grupo como esse. É uma higiene mental que me edifica e me faz sentir muito melhor. E a equipe daqui é muito atenciosa e solicita”, declarou.

“Eu me sinto muito feliz nesse grupo. Fico esperando chegar quarta-feira só para estar aqui. Eu sinto a diferença, sinto vida e agradeço muito por estar aqui”, declara Valdemira dos Santos que participa do programa há seis meses e preferiu não declarar a própria idade para preservar o mistério.

O feedback é sempre positivo. “O maior retorno é ver a alegria e satisfação deles. Ouvi-los nos chamando de família é algo incrível. Temos um grupo no whatsapp, e eles nos passam um relatório da vida deles. Avisam quando não vão poder vir, se vão para o médico, nos contam tudo. É fantástico. Na verdade, não é um grupo, é uma família”, define o psicólogo Samuel Nunes.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto entrega nesta quarta-feira (3), às 18h30, a nova Praça Inêz Santos Lima, localizada na Rua Ypiranga, s/n (em frente ao Clube Ypiranga), no bairro de Vila Canária. As intervenções realizadas no espaço atendem à reivindicação de moradores da região, que agora contam com um novo atrativo para diversão e lazer. 

 

Com área de 888 metros quadrados, a praça ganhou academias de saúde e de musculação, parque infantil e espaço game, composto por mesas para jogos, a exemplo de pingue pongue. A requalificação da praça também envolveu implantação de pergolado, piso intertravado, paisagismo, guarda-corpo em eucalipto, além de elementos de comunicação visual, iluminação em LED e acessibilidade com rampas para idosos e cadeirantes. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Uma grande ação colaborativa e promovida por professores, funcionários e alunos do Escolab Boca do Rio proporcionou à comunidade do entorno um dia dedicado aos cuidados com a saúde. Foi realizada uma feira no local, com a oferta de palestras, orientações e diversos serviços voltados ao tema. O evento, que se estendeu por todo o dia, derivou da proposta da última atividade pedagógica do 3º Ciclo de Aprendizagem dos estudantes.

Com o objetivo socializar os projetos desenvolvidos pelos alunos, a feira ofertou serviços em saúde bucal, atualização do calendário vacinal, cuidados com os pets através da vacinação antirrábica, aferição do índice glicêmico, teste rápido para a detecção de DSTs, entre outros. Os serviços foram disponibilizados através de uma parceria com o Distrito Sanitário de Itapuã.

O diretor da unidade escolar, Miguel Dourado, explicou que a feira é uma forma de praticar cidadania e colocar os alunos como protagonistas da ação. “É o momento de trazer a comunidade para a escola a fim de mostrar o que eles fizeram e devolver em serviços. Hoje são 340 alunos no Escolab, mas recebemos só pela manhã umas 250 pessoas que vieram participar da feira”, destacou o gestor.

Um dos assuntos mais trabalhados durante a feira foi o prejuízo da prática do bullying na escola. Além deste assunto, os alunos trabalharam outros temas relacionados à saúde mental, como depressão na infância e adolescência e distúrbios alimentares. Ocorreram ainda atividades como uma peça teatral, que tratou da importância do estudo para a vida, apresentação de um rap autoral sobre violência na escola, orientações sobre cuidados com a saúde, aromaterapia, massagem, e palestra sobre hábitos e projetos de vida.

Preocupados com a nutrição e qualidade de vida dos membros da comunidade acadêmica, um grupo de alunos aferiu o Índice de Massa Corporal (IMC) de todos os presentes, fizeram gráficos e apresentaram uma palestra sobre a importância de realizar esse monitoramento e qual o impacto dele na vida dos indivíduos. Ao longo da unidade, foram ainda produzidos materiais para compartilhar os conteúdos absorvidos pelos alunos através de blogs bilíngues, sites, revista e caça palavras gigantes que ficaram expostos nas paredes da instituição para a interação de todos.

Através da Prefeitura-Bairro, o público ainda teve a oportunidade de resolver pendências voltadas a cadastro e atualização em programas sociais como Bolsa Família, Primeiro Passo e Minha Casa Minha Vida (MCMV), além de realizar marcação de consultas e exames pelo SUS.

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault
O prefeito ACM Neto e o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller, anunciam nesta quinta-feira (27) mudanças importantes no acesso à orla de Stella Maris a partir da Avenida Luiz Viana Filho (Paralela). O objetivo é acabar com os engarrafamentos constantes provocados pelo excesso de carros que entram no bairro através da Alameda Dilson Jatahy Fonseca (mais conhecida como Alameda da Praia) pela Avenida Paralela, já nas proximidades do aeroporto. A coletiva que vai detalhar as mudanças, que irão envolver outras vias em Stella Maris, acontece nesta quinta (27), às 9h30, na rotatória da própria Jatahy Fonseca que faz esquina com a Alameda Praia do Camboiú. 
 
As alterações viárias terão grande impacto positivo na circulação de veículos pela Avenida Paralela, já que o engarrafamento provocado pelo acesso a Stella Maris atinge inclusive quem segue para o aeroporto e para os bairros de São Cristóvão e Itapuã. Além disso, essas mudanças irão melhorar a vida dos motoristas que residem em Stella Maris ou que frequentam a orla do bairro.
0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Para enfrentar os graves efeitos da crise que ainda atinge o Brasil, Salvador vai ganhar um programa inédito no país que irá potencializar a geração de empregos e oportunidades, promovendo o desenvolvimento social e econômico. Trata-se do Negócio Pop (Programa Popular Produtivo), cujo objetivo é garantir acesso desburocratizado ao crédito com pagamento facilitado e qualificação empreendedora. O programa será lançado nesta quinta-feira (20), às 9h30, no Terminal Marítimo, no Comércio.  

 

Para garantir o sucesso do Negócio Pop, que vai permitir a liberação de até R$300 milhões em microcrédito durante três anos, um outro programa também será lançado nesta quinta, no mesmo evento: o Agente de Empreendedorismo, criado pelo Parque Social, instituição sem fins lucrativos parceira da Prefeitura que se insere nesse contexto concebendo a tecnologia e como entidade cogestora de todo o processo. 

 

As duas iniciativas irão funcionar conjuntamente da seguinte forma: os agentes de empreendedorismo serão estagiários de Administração e Economia capacitados pelo Parque Social e que ficarão espalhados em todos os cantos da cidade para, sob a orientação de especialistas nas áreas de finanças e gestão, ajudarem na viabilização do acesso ao crédito previsto no Negócio Pop, além de promover a qualificação dos beneficiados para que esse dinheiro de fato gere dividendos positivos para todos os envolvidos.  

 

Inúmeras atividades formais e informais poderão ser beneficiadas com a liberação e capacitação para utilizar bem o crédito de até R$15 mil por empreendedor, a exemplo do vendedor ambulante, da doceira, da moça da quentinha, do pipoqueiro, do feirante, da proprietária de salão de beleza, do cidadão que possuí um pequeno bar ou restaurante e até carrinho de lanche. Todos os detalhes, e parceiros da iniciativa, serão anunciados no lançamento do programa, nesta quinta (21).

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

Divórcio, serviços de proteção ao consumidor, dissolução de união estável e pensão de alimentos estão entre os serviços que serão oferecidos pelo Mutirão Faz a Ponte, em Paripe neste sábado (15). O evento será realizado na Prefeitura-Bairro Subúrbio/Ilhas, localizada na Rua Pará, nº15, das 8h às 12h. Durante o evento, também serão oferecidos serviços de orientação jurídica e conciliação de questões cíveis de pequena complexidade (questões familiares ou de vínculos afetivos) à população.  

 

Os cidadãos também serão beneficiados com serviços de proteção à mulher vítima de violência, proteção à criança e adolescente, assistência social às famílias em situação de vulnerabilidade social, ajuizamento de processos pela Defensoria Pública, dentre outros. A diretora-geral das Prefeituras-Bairro, Ana Paula Matos, explica que o mutirão “tem o objetivo de facilitar o acesso à Justiça social e a garantia de direitos, além de acionar parceiros globais e locais que estejam ligados ao sistema de justiça e auxiliares”.  

 

À frente da organização do projeto está a advogada Juliana Guanaes, que destaca a importância dos serviços oferecidos à população suburbana. “Existem famílias que são vulneráveis e precisam ser encaminhadas para o CRAS, e a Defensoria Pública, como uma grande parceira do projeto, estará lá para realizar esse tipo de atendimento”, diz. Em parceria com os núcleos jurídicos, atores externos também vão trazer todos os serviços para perto da comunidade, como Conselhos Tutelares e a Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon).  

 

Promovido pela Diretoria Geral das Prefeituras-Bairro em celebração aos cinco anos de atendimento da sede no Subúrbio, o evento contará com serviços dos órgãos: Tribunal de Justiça do Estado da Bahia; Defensoria Pública do Estado da Bahia; Ordem dos Advogados do Brasil (OAB); Delegacia Especializada de Proteção à Mulher; Centro de Referência à Mulher; Casa de Acolhimento à Mulher; Centro Universitário de Salvador; Faculdade Salvador; Conselhos Tutelares - Roma, Periperi, Valéria; CRAS; Ajuris Móvel; e Codecon.

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

O prefeito ACM Neto participa nesta sexta-feira (14), às 17h, da entrega da restauração e reabertura da Catedral Basílica, símbolo da arte sacra e da arquitetura religiosa no Brasil, situada no coração do Pelourinho, no Terreiro de Jesus. O templo, que é testemunha da história do catolicismo no Brasil, possui acervo com telas de autores seiscentistas, móveis em jacarandá e diversos objetos sacros em ouro e prata. Monumento do século XVII, foi o quarto templo construído pelos jesuítas na capital baiana, entre 1652 e 1672, e é o último remanescente do conjunto arquitetônico do Colégio de Jesus. 

 

A obra de restauração foi executada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), com o apoio da Arquidiocese de São Salvador da Bahia e da Prefeitura, através do suporte técnico. Foram utilizados recursos de mais de R$17,8 milhões do governo federal, através do PAC Cidades Históricas. Iniciativas de recuperação do patrimônio histórico como essa permitiram, por exemplo, a entrega da Casa do Carnaval, também no Pelourinho, e das obras para instalação da futura sede da Fundação Gregório de Mattos (FGM) e da área técnica do Espaço Cultural da Barroquinha, em frente à Praça Castro Alves. 

 

Mais religiosidade - Bem perto da Catedral Basílica, a Prefeitura entregará, até o fim do ano, o Centro de Referência da Igreja Católica do Brasil, que funcionará no Palácio Arquiepiscopal de Salvador (Praça da Sé, Pelourinho), garantindo a efetivação da instalação do memorial. Gerido pela Arquidiocese de São Salvador da Bahia, o edifício - que possui três pavimentos e um porão - passará a ser um espaço de cultura e meditação. O espaço abrigará exposições temporárias e viabilizará o compartilhamento de conhecimentos com acervo museográfico e expográfico.   

 

Além disso, vale frisar que, dentro dos investimentos na requalificação do Centro Antigo de Salvador, a Prefeitura já deu início às obras de requalificação do Terreiro de Jesus. Nos próximos dias, também será dada a ordem de serviço para o início imediato das obras de requalificação da Avenida Sete e da Praça Castro Alves, que serão divididas em quatro etapas. 

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

 

Criado em setembro de 2013, o Festival da Primavera, um dos momentos mais esperados dentro do calendário de eventos da cidade, começa neste sábado (15), se estendendo até o próximo dia 30. Cheio de novidades, o festival acontecerá em diferentes pontos da cidade e traz como destaque o esporte, gastronomia, música lazer e qualidade de vida. Toda a programação será detalhada nesta quinta (13), a partir das 9h30, em coletiva no Palácio Thomé de Souza, com as presenças do prefeito ACM Neto e do presidente da Saltur, Isaac Edington

 

A sexta edição do Festival da Primavera chega com o mesmo objetivo de sempre: abrir oficialmente as portas da cidade para o período de grande movimentação turística em Salvador. O primeiro evento musical já acontece neste domingo (16), a partir das 10h, quando o grupo Mudei de Nome (antigo Alavontê) se apresenta dando a volta no Dique do Tororó. As outras atrações musicais, inclusive com nomes nacionais, serão anunciadas durante a coletiva. 

 

O festival conta ainda com feiras, atividades esportivas (a exemplo da Maratona Cidade de Salvador), oficinas de bordado e poesia, gastronomia e até evento mar. Ou seja, o começo da Primavera em Salvador promete.  

 

0
0
0
s2sdefault
0
0
0
s2sdefault

No Mês do Trânsito, escolas das redes pública e privada recebem palestras sobre cidadania e convivência harmônica no trânsito

O programa Condutores do Futuro, realizado pela Transalvador através da Gerência de Educação para o Trânsito, já tem programação de palestras para o Mês do Trânsito, comemorado em setembro. O objetivo do programa é levar conhecimentos básicos sobre trânsito aos alunos das redes pública e privada de escolas em Salvador, abordando conceitos básicos de convivência harmônica no trânsito, transmitidos de forma lúdica através de palestras, teatro de fantoches e reprodução de cenário de trânsito em sala de aula.

De acordo com Mirian Bastos, gerente de Educação para o Trânsito, as palestras seguem as Diretrizes Nacionais de Educação para o Trânsito, além de considerar os indicadores locais levantados pela Transalvador, fazendo com que cada palestra tenha uma especificidade voltada para cada região. “Nós verificamos dados de acidentes no entorno das escolas, e identificamos os maiores problemas de cada região. A partir daí, elaboramos nosso plano de ação para contextualizar com os alunos”, contou. Os temas também são debatidos com a direção das escolas, que podem sugerir assuntos que desejam ver abordados com os alunos.

Regras de circulação, comportamento do pedestre, comportamento adequado dentro do transporte, respeito ao ciclista, preservação do patrimônio público, entre outros, estão entre os temas abordados nas palestras. Além disso, durante os encontros é trabalhada também a perspectiva de cidadania no trânsito. “Queremos que os jovens busquem atuar como sujeito de intervenção no trânsito, como pedestres e futuros condutores conscientes de seus direitos e também de seus deveres”, contou Bastos.

Programa - O Condutores do Futuro já vem sendo realizado há 11 anos pela Transalvador. Durante esse período, a ação de Educação já atendeu mais de 500 escolas em Salvador, atingindo mais de 35 mil crianças e jovens. Somente este ano, até o mês de agosto, 6.333 alunos e mais de 50 escolas já foram beneficiadas com as palestras.

Escolas públicas e privadas podem solicitar a presença da ação educativa em suas instituições, que são totalmente gratuitas. É necessário apenas disponibilizar um espaço para a realização das palestras, bem como recursos de apresentação multimídia, como projetores. As instituições de ensino interessadas em participar do projeto, podem entrar em contato com a Transalvador através do telefone (71) 3202-9163 e realizar o agendamento.

Confira abaixo a programação para o Mês do Trânsito:

03/09 - 14h

Escola Cristã Advir Adonai (Pau Miúdo)

04/09 - 10h

Cmei Creche e Pré-escola Primeiro Passo (Bairro da Paz)

05/09 - 10h

Escola Cristã Advir Adonai (Pau Miúdo)

06/09 - 10h

Escola Municipal André Rebouças (São João do Cabrito)

10/09 - 10h

Escola Bambino (Cajazeiras)

12/09 - 09h

Gurilândia (Federação)

13/09 - 10h

Esc. Mun. Nossa Senhora da Paz (Bairro da Paz)

14/09 - 09h

Centro Educacional Luzane (Resgate)

17/09 - 14h

Centro Educacional Luzane (Resgate)

18/09 - 09h

Creche Escola Primeiro Passo (Periperi)

20/09 - 8h30

Esc. Mun. Santa Terezinha (Chame Chame)

21/09 - 10h

Escola Brincando e Construindo (Pituba)

24/09 - 10h

Esc. Mun. Manoel Faustino (Itacaranha)

25/09 - 14h

Escola Recanto de Viver (Pituba)

26/09 - 10h

Esc. Mun. Julieta Viana (Pau Miúdo)

27/09 - 13h30

Escola Alexandrina dos Santos Pita (Pirajá)

28/09 - 10h

Escola Tereza Froes (Tororó)

0
0
0
s2sdefault

Subcategorias