Quinta-Feira , 19 Outubro 2017

O Subúrbio Ferroviário será palco de uma apresentação musical inesquecível nesta sexta-feira (25). O renomado pianista Arthur Moreira Lima realizará apresentação a bordo de um caminhão-teatro, por meio do projeto Um Piano pela Estrada. Gratuito, o evento será aberto ao público e acontecerá na Praça São Braz, em Plataforma, a partir das 19h.

 

Os moradores da localidade e dos bairros adjacentes poderão prestigiar uma hora e meia de show, em um repertório que vai mesclar o erudito e popular. Serão interpretadas obras que vão de Bach, Mozart, Beethoven, Chopin e Liszt, até Pixinguinha, Villa-Lobos, Ernesto Narareth e Luiz Gonzaga.

 

A iniciativa é patrocinada pela Brasilgás, apoiada pela Lei de Incentivo à Cultura (Rouanet) e pela Prefeitura. “O objetivo desse projeto é levar música clássica àquelas pessoas que, por terem baixo poder aquisitivo, não têm condições de ir ao teatro”, explica o produtor musical Manuel Luiz da Silva.

 

Para a realização do concerto, a administração municipal efetuará, além da liberação do espaço, serviços como banheiros químicos, iluminação e ordenamento do trânsito e do comércio. "A Prefeitura tem um papel indispensável para a realização do espetáculo. Espero que a população abrace o concerto, até pela história de Salvador, que é uma cidade de cultura", frisa Silva.

 

Pela terceira vez em Salvador, o caminhão-teatro do Piano pela Estrada já percorreu, em 15 anos de atividade, diversas cidades da Região Metropolitana e do interior da Bahia, a exemplos de Camaçari, Madre de Deus, Feira de Santana, Euclides da Cunha e Jequié. Somadas as visitas a outros municípios do Brasil, a iniciativa já chega a quase 500 apresentações.

 

O artista – Nascido no Rio de Janeiro, o pianista Arthur Moreira Lima começou a estudar piano aos seis anos, e já aos nove tocava um concerto de Mozart com a Orquestra Sinfônica Brasileira. Ele ganhou destaque internacional no Concurso Chopin de Varsóvia e nos Concursos de Leeds, na Inglaterra, e Tchaikovsky, em Moscou. No currículo, Moreira Lima também acumula apresentações com as Filarmônicas de Leningrado, Moscou, Varsóvia, Sinfônicas de Berlim e outras.