Quarta-Feira , 24 Maio 2017

Um dos principais instrumentos utilizados pelas corporações para atuação em situações de risco, a defesa pessoal é foco de uma capacitação promovida para 40 guardas civis municipais femininas de Salvador. Com carga horária de 48 horas e grupo dividido em duas turmas, as aulas teóricas e práticas acontecem até o próximo sábado (28), das 8h às 17h, na sede da Guarda Civil Municipal, na Avenida San Martin.

De acordo com o diretor de Segurança Urbana e Prevenção à Violência da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), Maurício Lima, a inciativa visa instruir as guardas sobre aspectos como uniformidade tática, abordagem, buscas pessoais, técnicas de imobilização e condução em patrulhas. A intenção é melhorar ainda mais o desempenho nas ações de rotina, principalmente situações com grande aglomeração de pessoas.

“O efetivo feminino tem sido extremamente necessário em festas e grandes eventos. Temos notado que o modus operandi recente dos criminosos é passar o produto do furto para a comparsa mulher. Nesses casos, a guarda civil feminina tem que estar preparada para fazer a abordagem, revista e condução. Hoje, 12% da corporação da Guarda Civil Municipal é composta por mulheres. A intenção é de que todas passem pelas aulas”, completa Lima.

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) inicia nesta quarta-feira (18), às 9h, a Operação pré-Carnaval no Circuito Dodô, com o ponto de partida em Ondina, em frente ao Hotel Othon. Os técnicos irão vistoriar as montagens dos camarotes seguindo as determinações do órgão, como as normas de segurança dos transeuntes e horário de carga e descarga dos materiais, além de recuperação de estruturas metálicas dos equipamentos.

Até agora, cinco camarotes já deram entrada no licenciamento das montagens das estruturas. Os interessados em montar os camarotes para o Carnaval 2017 devem solicitar a autorização até o dia 6 de fevereiro à Sedur, ex-Sucom, localizada na Avenida ACM, Empresarial Thomé de Souza. Em 2016, foram licenciados 32 camarotes nos dois circuitos da festa.

Para licenciar a montagem de um camarote, é preciso contratar um engenheiro ou arquiteto que se responsabilize pela instalação do equipamento. Depois, apresentar à Central de Licenciamento de Eventos (CLE) o projeto técnico, contendo as estruturas tubulares e arquitetônicas e um plano de emergência em situações de incêndio e pânico. A CLE funciona na sede da Sedur, de segunda a sexta-feira, entre 9h e 17h.

Os camarotes e praticáveis que serão montados para o Carnaval precisam apresentar também um Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB). A nova exigência, respaldada pela Lei Estadual nº 12.929/2013 através do Decreto Estadual nº 16.302/2015, que dispõe sobre a Segurança Contra Incêndio e Pânico na Bahia, tem como objetivo proteger a vida e integridade das pessoas e prevenir e combater a propagação de incêndios.

Em 2016, a secretaria emitiu 800 notificações nos circuitos oficiais da festa durante a Operação pré-Carnaval. As sanções foram aplicadas para camarotes, praticáveis, balcões, palcos, estabelecimentos sem licença ou com alvará vencido e instalações de publicidade irregular.

 

Depois de São Tomé de Paripe, o ParaPraia será realizado em Ondina neste fim de semana (14 e 15), das 9h às 13h, em frente ao Instituto Baiano de Reabilitação (IBR). O projeto gratuito de tornar o banho de praia acessível para pessoas com deficiência é idealizada pela Secretaria Cidade Sustentável e Inovação e conta com parceria da Escola Bahiana de Medicina e patrocínio da Braskem e Salvador Shopping. A inciativa prosseguirá no local sempre aos finais de semana, até 12 de fevereiro.

 

O interessado pode ir à praia das 9h às 13h, passar por uma triagem simples e seguir para o banho de mar na cadeira anfíbia. Todos os banhos são assistidos por uma equipe multidisciplinar. Para garantir a segurança, antes da atividade, os banhistas têm a pressão arterial, frequência cardíaca e saturação periférica de oxigênio aferidas por um grupo de estudantes da Escola Bahiana de Medicina.

 

Além de entrar no mar com cadeiras adaptadas, os participantes têm atividades como mergulhos com cilindro, passeio com Stand Up Paddle (SUP), jogos de vôlei adaptados e atividades lúdicas associadas a banhos de mar. Com o sucesso da abertura da quarta temporada o ParaPraia se consolida como um dos principais espaços de lazer para pessoas com deficiência e mobilidade reduzida.

 

"Transformar a praia em um espaço de cidadania para todas as pessoas é o grande resultado do ParaPraia ao longo desses quatro anos. Pessoas com mais de 30 anos sem conseguir sentir a água salgada no corpo transformam cada momento do projeto em oportunidade de reflexão sobre a vida”, destaca o secretário da Cidade Sustentável e Inovação, André Fraga.

 

Histórico – Desde que foi criado, o ParaPraia já atendeu cerca de 700 pessoas, mudando a realidade de cotidiano, proporcionando a integração de qualquer pessoa com mobilidade reduzida ao mar de Salvador. Em 2014, primeiro ano da ação, a praia de Ondina foi escolhida porque já trazia um prévio planejamento estrutural de acessibilidade. Na edição de 2015, a iniciativa foi ampliada e oferecida também na Ribeira, em sua orla já requalificada, e, em 2016, voltou à praia de Ondina, resultando em um crescimento de 40% de pessoas atendidas. No último fim de semana, em São Tomé de Paripe, foram atendidas 60 pessoas.

Crianças e adolescentes flagrados trabalhando com os pais na Lavagem do Bonfim terão um espaço para acolhimento, montado pela Prefeitura, através da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps). O espaço fica no Abrigo Dom Pedro II, na Avenida Luiz Tarquínio, nº 18, Boa Viagem, e poderá ser conhecido pela imprensa nesta quarta-feira (11), às 16h. Durante a Lavagem do Bonfim, nesta quinta-feira (11), o local funcionará de 8h às 20h.

A unidade terá capacidade para acolher até 30 jovens, oferecendo cinco refeições e cuidados com a higiene pessoal. A equipe técnica é formada por 21 profissionais, que atuarão em tempo integral promovendo atividades lúdicas, esportivas e pedagógicas previamente planejadas, sempre respeitando a idade e a cultura do público atendido. A medida, válida para jovens com idades entre 0 a 17 anos, já é realizada com sucesso no Carnaval.

Abordagem - Os acolhimentos começam com uma abordagem técnica feita por um educador ou representante dos órgãos de proteção e defesa da criança e do adolescente, salvo em situações excepcionais onde o trabalho infantil possa ser confirmado. A partir daí, os jovens identificados em situação de vulnerabilidade e risco social passam por uma triagem, sobretudo aqueles que demandem atenção especial, visando conhecer seu histórico de vida e a realidade onde vivem.

A Semps informa que, ao realizar visitas aos menores, pais e responsáveis também devem relacionar questões referentes ao histórico dos jovens que, quando necessário, serão encaminhados para atendimentos específicos nos Centros de Referência Especializados da Assistência Social (Creas) e Centros de Referência da Assistência Social (Cras). Os casos também serão notificados ao Conselho Tutelar.

Nas demais festas que antecedem o Carnaval, a exemplo da Festa de Iemanjá, no Rio Vermelho, outros espaços de convivência temporária também serão instalados. Para os festejos em louvor à rainha do mar, no dia 2 de fevereiro, a unidade será implantada na Escola Osvaldo Cruz, localizada na Rua do Meio Nº 13. Em Itapuã, cuja festa ocorre no dia 16 de fevereiro, o local ainda está será definido.

O prefeito ACM Neto vai seguir a tradição e participar de mais uma edição da Lavagem do Bonfim, que acontece nesta quinta-feira (12), na Cidade Baixa. Ele chegará às 7h30 na Basílica Nossa Senhora da Conceição da Praia, no Comércio, para acompanhar a cerimônia inter-religiosa que começa às 8h. Logo depois da celebração, o prefeito seguirá o cortejo em direção à Colina Sagrada para presenciar a lavagem do adro da Basílica do Bonfim, além da bênção especial concedida aos fieis pelo padre Edson Menezes, pároco local.

Para a realização de uma das mais antigas e importantes festas religiosas de Salvador, a Prefeitura montou um esquema especial envolvendo diversas secretarias para dar conforto a moradores e visitantes que vão acompanhar os festejos. Organizada por meio da Empresa Salvador Turismo (Saltur), a cerimônia inter-religiosa reúne representantes de diversas religiões para proferirem mensagem de paz ao público. Estarão presentes o padre Irineu Menezes, pároco da Conceição da Praia; Marcel Mariano Cadidé, da Federação Espírita da Bahia; Tata Anselmo Santos, do Terreiro Mokambo, representando a Matriz Religiosa Afrobrasileira; Ida Meireles, da Organização Brahma Kumaris, representando o Hinduísmo; Marina Krieger, da Legião da Boa Vontade (LBV); e Aristides Mascarenhas, da Federação do Culto Afro Brasileiro.

Para o cortejo, foram cadastradas 36 entidades folclóricas e culturais pela Saltur. Agentes da Secretaria de Desenvolvimento e Urbanismo (Sucom) estarão presentes para coibir publicidade irregular e poluição sonora. A Empresa de Limpeza Urbana (Limpurb) disponibilizará sanitários químicos e climatizados em pontos estratégicos do percurso, além de garantir a limpeza das vias. A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) vai atuar no ordenamento de ambulantes e coibir a venda de produtos proibidos pelo Estatuto das Festas Populares.

Os agentes da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) estarão atuando para orientação aos motoristas, além do monitoramento dos bloqueios móveis para passagem do cortejo e realização dos festejos. A Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) vai disponibilizar 100% da frota de ônibus em dias úteis em horário prolongado. A Guarda Civil Municipal estará presente com 151 agentes para apoio às ações municipais de fiscalização, proteção ao patrimônio público e orientação aos cidadãos. A Defesa Civil de Salvador (Codesal), em conjunto com a Secretaria Municipal de Manutenção (Seman) e demais órgãos, realizou vistorias prévias no trajeto entre a Conceição da Praia e a Colina Sagrada para verificar e corrigir situações que pudessem causar risco aos cidadãos.

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) realiza nesta quarta-feira (11), às 9h, uma ação preventiva para a tradicional Lavagem do Bonfim. Cerca de dez agentes de fiscalização sairão da frente da Igreja da Nossa Senhora da Conceição da Praia, no Comércio, rumo à Calçada para notificar os comerciantes sobre a proibição da venda de bebidas em garrafas de vidro durante a festa religiosa, que acontece nesta quinta (12). A restrição ocorre como medida cautelar para evitar que objetos perfurocortantes causem acidentes durante o cortejo.

Os fiscais também estarão em campo para coibir publicidade não autorizada e ocupações irregulares, a exemplos de palcos ou estruturas provisórias. O patrocínio oficial da Lavagem do Bonfim é da Skol e prevê apenas a exibição dessa marca durante o evento. Os agentes atuarão na proteção à marca, retirando balões, banners ou faixas publicitárias que não foram avalizados pelo órgão. Não haverá, no entanto, restrição comercial à venda de bebidas.

Também não será permitido nenhum tipo de publicidade como faixas, placas e painéis em árvores, mobiliário urbano, fachadas ou postes, como prevê o Decreto 12.642/2000, que regula a publicidade no município. Mensagens culturais ou de interesse público podem ser veiculadas apenas em cartazes, bandeiras, estandartes e flâmulas portadas por pessoas.

Na Lavagem do Bonfim, na quinta-feira (12), os agentes de fiscalização estarão nas ruas para verificar o cumprimento das notificações. Em caso de descumprimento, o comerciante poderá ser autuado, ter o produto apreendido e até a atividade embargada, no caso de reincidência. A operação preventiva já começou e teve início na manhã desta terça (10). As fiscalizações atingiram estabelecimentos da Baixa do Bonfim até a Praça Irmã Dulce.

Equipe técnica da Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps) realiza ação social de fortalecimento de vínculos com a comunidade do Pela Porco, no bairro da Sete Portas, neste sábado (07), a partir das 14h. A ação prevê orientações sobre os serviços socioassistenciais oferecidos pelos centros de Referência da Assistência Social (Cras) e Especializado em Assistência Social (Creas). Psicólogos e assistentes sociais realizarão abordagem social a pessoas em situação de rua. No local, instituições que já realizam trabalhos na comunidade oferecerão serviços gratuitos, como corte de cabelo. 

 

A matrícula para novos alunos do Ensino Fundamental (1º ao 9º ano) e Educação de Jovens e Adultos (EJA) da rede municipal de ensino começa nesta quinta-feira (05). A Secretaria Municipal da Educação (Smed) disponibilizou mais de 25 mil vagas para novos alunos do Ensino Fundamental e dez mil da EJA. Outros 90 mil alunos do Ensino Fundamental e 11 mil da EJA que já eram da rede tiveram suas matrículas renovadas automaticamente. A matrícula pode ser realizada em qualquer uma das 441 escolas da rede pública de Salvador. 

Os pais ou responsáveis devem se dirigir a uma unidade de ensino para matricular o filho para qualquer escola da rede municipal. Os documentos necessários são identidade, certidão de nascimento, histórico escolar, comprovante de residência e SalvadorCard (se possuir). 

Sorteio – A distribuição de vagas para os novos alunos da Educação Infantil da rede municipal de ensino será realizada nesta quinta-feira (05), às 9h, na sede da Smed, na Garibaldi. As 14 mil vagas disponíveis serão distribuídas começando pelo grupo de crianças que atende à maior quantidade de critérios de prioridade até chegar ao grupo que não atende nenhum dos critérios.

Após o resultado, que estará disponível, a partir de sexta-feira (06), no site da Smed (educacao.salvador.ba.gov.br), os responsáveis pelas crianças contempladas deverão comparecer à unidade de ensino onde o aluno vai estudar, de 9 a 13 de janeiro para efetivar a matrícula. Os mais de 12.500 alunos que frequentaram regularmente o ano letivo de 2015 tiveram suas matrículas renovadas automaticamente. 

A Prefeitura continua em ritmo acelerado de ações neste início de 2017 e os beneficiados da vez são os moradores do bairro da Caixa D’Água e adjacências, que ganharão um espaço de convivência e lazer completamente requalificado a ser inaugurado nesta quarta-feira (04), às 18h30. A Praça Coronel Osvaldo do Rosário, na Rua Manoel Mário Lima, será entregue em cerimônia que contará com as presenças do prefeito ACM Neto e do secretário de Manutenção (Seman), Marcílio Bastos.

 

A área de convivência e lazer ganhou revestimento de piso intertravado, além de espaço e parque infantil para quem quiser levar a criançada para se divertir em brinquedos como escorregadeira, balanço e mesa de jogos. O local também conta com Academia da Saúde, bancos antivandalismo, passeio, piso tátil, rampa, lixeira e comunicação visual, além de um pequeno palco para atividades culturais.

 

A reforma da Praça Coronel Osvaldo do Rosário é fruto do programa Salvador Bairro a Bairro, que tem como intuito realizar intervenções na cidade indicadas pelos próprios cidadãos através da consulta popular Ouvindo Nosso Bairro. 

 

Durante a festa da Boa Viagem, comemorada entre o dia 31 de dezembro e 1º de janeiro, a Transalvador montou um esquema para ordenar o tráfego de veículos e a circulação de pedestres na Cidade Baixa. O órgão preparou operação especial, abrangendo alterações no tráfego de veículos e/ou no estacionamento em diversos pontos. A Limpurb também terá um esquema especial de operação.

A partir das 17h do sábado (31) até as 6h da segunda-feira (02), estarão proibidos a circulação e o estacionamento nas seguintes vias: R. Professor D’ Alcântara, R. da Boa Viagem, Largo da Boa Viagem, Av. Luiz Tarquínio (entre o Largo da Boa Viagem e a R. Polidoro Bittencourt), R. Imperatriz (do Largo da Boa Viagem à R. Sergy Mirim), R. Rio Almada, R. Rio Paraguaçu (entre o Largo da Boa Viagem e a R. Rio Itapicuru), R. São Francisco, R. Rio Itapicuru e Rua A (entre as ruas da Boa Viagem e Rio Paraguaçu).

No mesmo período, será estabelecido sentido único e exclusivo para os ônibus de transporte coletivo nas seguintes vias: Av. Luiz Tarquínio (sentido Largo de Roma), e ruas Polidoro Bittencourt e Augusto Mendonça (sentido Boa Viagem).

Para o transporte da imagem do Senhor Bom Jesus dos Navegantes da Codeba à Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia, a interdição acontece a partir das 17h30 do sábado (31) na Av. da França (imediações do 2º galpão das docas), Praça Visconde de Cayru, Av. Lafayete Coutinho (Contorno) e Rua da Conceição da Praia (chegada à Basílica). No dia 1º, haverá interdição progressiva do tráfego, a partir das 9h30, na R. da Conceição da Praia (saída na Basílica) e Av. Contorno (chegada ao 2º Distrito Naval) para a passagem da procissão da Basílica da Conceição da Praia até o Píer da Capitania dos Portos.

Limpurb - Quem também montou um esquema para atender o público que vai curtir a festa é a Limpurb. O órgão vai colocar à disposição 67 profissionais que atenderão os turistas e baianos com três compactadores, dois caminhões, dois carros-pipa, além de 50 sanitários químicos.

A área de abrangência dos profissionais será restrito à Praça Irmã Dulce, Rua da Boa Viagem, Rua da Imperatriz, Rua Polidoro Bitencourt, Rua Rio São Francisco, Rua Gonçalves de Abreu, Rua Rio Paraguassu, Rua Rio Sergimirim, Rua Plínio de Lima, Rua Rio Almada, Rua Rio Itapicuru, Rua Rio Jaguaribe, Rua Rio Jacuipe, Rua "A" (Conjunto Boa Viagem),  Rua Rio de Contas, Rua Rio Subaé, Rua Urbano Duarte, Rua Rio Negro, Rua Nova Imperatriz, Rua Dionísio P. Alcântara, Rua Luís Tarquínio, Vila Operária, Largo da Boa Viagem e Ponta do Humaitá.

 

 Tradição - Tradicional celebração popular, a festa da Boa Viagem tem origem portuguesa, datando de 1750. O evento inclui duas procissões marítimas: a primeira, no dia 31 de dezembro, faz o percurso Largo da Boa Viagem/Basílica da Conceição da Praia, e a segunda, no dia 1º de janeiro, conta com centenas de embarcações acompanhando a Galeota Gratidão do Povo, que conduz a imagem de Nosso Senhor dos Navegantes pelas águas da Baía de Todos os Santos, desde o cais do Segundo Distrito Naval até a praia da Boa Viagem. O evento é precedido por tríduo, missa solene e festa de largo, que se transforma em um verdadeiro Réveillon popular na noite de 31 de dezembro e madrugada de 1º de janeiro

O projeto Revitalizar, destinado a incentivar a restauração e recuperação dos imóveis do Centro Antigo de Salvador, e o edital do Programa de Incentivo ao Desenvolvimento Sustentável e Inovação (PIDI) para implantação da Vila Cultural da Barroquinha serão lançados pelo prefeito ACM Neto nesta segunda-feira (12), às 14h30, no salão nobre da Associação Comercial da Bahia, no Comércio.

O Revitalizar tem como objetivo estimular a restauração, recuperação ou reforma dos imóveis no Centro Histórico, tombados ou não, e a implantação de habitações e novas atividades econômicas, gerando dinamismo, trabalho e renda na região. Serão beneficiados os bairros do Centro, Pelourinho, Santo Antonio, Comércio, Saúde, Nazaré, Tororó, Barris, Barbalho, Lapinha e, parcialmente, a Liberdade. As medidas deverão ter resultados positivos nos próximos dez anos. 

Para tanto, um projeto de lei será enviado à Câmara de Vereadores estabelecendo incentivos fiscais como redução de 50% do IPTU do imóvel beneficiado por dez anos, isenção do ITIV e das taxas de licenciamento para a realização das obras. Será estimulado o uso misto dos imóveis, tombados ou não, e incentivadas, com redução do ISS, as atividades de economia criativa (fonografia, fotografia, cinematografia, composição gráfica, programação e comunicação visual), diversão e lazer (cinema de rua, shows, dança, desfiles, concertos, festivais e produção cultural). 

Vila Cultural – Na mesma solenidade, será lançado o segundo edital do Programa de Incentivo ao Desenvolvimento Sustentável e Inovação (PIDI), que prevê incentivos fiscais para a região da Barroquinha, no Centro Histórico, com o objetivo de criar a Vila Cultural da Barroquinha. Dentre as atividades contempladas pelo edital estão galerias de arte, casas de espetáculos, teatros, cinemas, atividades de fonografia e fotografia, serviços gráficos, cafés, bares e restaurantes, agências de turismo e casas de câmbio, escola de artes e idiomas, lojas de artigos religiosos e lembranças da Bahia, livrarias, atividades de ofício tradicionais (barbeiro, alfaiate, sapateiro, carpinteiro, serralheiro).

A Secretaria Municipal de Urbanismo (Sucom) autuou a o Consórcio Mobilidade Bahia (CCR),, empresa responsável pelas obras do metrô, por causar danos à pista de rolamento da Avenida Luiz Viana Filho (Paralela) com escorregamento de matérias para a pista, causando problemas ao tráfego da região e perigo para os motoristas que trafegam no local.

O secretário da Sucom, Sérgio Guanabara, afirmou que os responsáveis pela obra não fizeram a contenção dos taludes de forma adequada. “Não podemos permitir que uma obra de grande porte, que requer o máximo de cuidado para não provocar transtornos à cidade, tenha esse tipo de problema”, frisou.

As sanções foram aplicadas com base no artigo 51 da Lei 3.903/88, que institui normas relativas à execução de obras em Salvador, e prevê penalidades como auto de infração e notificação em caso de desobediências às normas de segurança.    

 

O prefeito ACM Neto participou nesta sexta-feira (25), em São Paulo, de um evento com alguns dos maiores empresários do Brasil. No painel “Competividade e Planejamento de longo prazo nas Cidades”, coordenado pela Organização Social Comunitas, o prefeito falou sobre as medidas que adotou em Salvador no início de sua administração e que serviram de modelo para diversas prefeituras. “Quando assumi tive a coragem de adotar medidas duras, mas necessárias. A maior parte do sucesso de minha administração, sem dúvida, deve ser creditada ao ajuste fiscal que adorei em 2013”, acrescentou o prefeito.

ACM Neto ressaltou que, por mais urgente que sejam as demandas por temas imediatos, sua administração optou por tomar decisões de longo prazo, que foram um diferencial com o agravamento da crise econômica. “O gestor precisa trabalhar com planejamento fiscal, responsabilidade nas decisões administrativas e ter consciência de que não é possível resolver todos os problemas de vez.” Ainda em sua exposição, Neto falou que também inovou ao transformar “as ruas em seu melhor gabinete”. “Desde que tomei posse passei a despachar três, quatro vezes por semana, nas ruas. Com as visitas constantes aos bairros, o gestor percebe claramente as reivindicações dos moradores e o que é prioridade.”

O prefeito disse, também, que o planejamento estratégico elaborado em 2013 estabeleceu metas, prazos e prioridades. “Hoje estamos estabelecendo a nova fase deste planejamento, intensificando o que deu certo e aprimorando o que ainda não teve a resposta esperada”, afirmou. Além do prefeito, participaram do painel os empresários Jorge Gerdau (presidente do Conselho de Administração do Grupo Gerdau), José Roberto Marinho (vice-presidente do grupo Globo), Roberto Setúbal (presidente do Banco Itaú), José Donizette (prefeito de Campinas) e Daniel Gomes Gaviria (líder de pesquisa de competitividade do World Economic Forum). A Comunitas é uma reunião de dez grandes empresários que entendem que o setor privado pode ajudar a melhorar a gestão no setor público.

O Espaço Coaty, localizado no conjunto arquitetônico da Ladeira da Misericórdia, no Centro Histórico de Salvador, recebeu nesta quarta-feira (19) a visita de membros da organização não governamental internacional World Monuments Fund (Fundo Mundial de Monumentos) para a realização do Watch Day. O evento teve como propósito a divulgação do sítio histórico pelos canais de comunicação da entidade.

A WMF é voltada à catalogação e preservação do patrimônio cultural mundial, atuando através de manifestações, palestras e propagandas de incentivo à preservação do bem cultural comum da Humanidade, e vai trabalhar na captação de recursos para recuperação do Coaty. O espaço é o único sítio histórico do Brasil a ser catalogado pela instituição.

O presidente da Fundação Gregório de Mattos (FGM), Fernando Guerreiro, comemorou a inserção do monumento no catálogo internacional e disse que a iniciativa vai dar mais visibilidade ao conjunto arquitetônico – desenhado pela arquiteta Lina Bo Bardi (1914 – 1992) na década de 80. “Durante décadas o Coaty foi subutilizado. Existe um projeto em que está sendo discutido com o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) para fazer uma grande reforma naquela área. O plano inclui, inclusive, um elevador que liga a Ladeira da Misericórdia à Praça da Sé”, revelou o gestor da FGM

Para a gerente de Sítios Históricos da FGM, Milena Tavares, o reconhecimento indica o mérito que a obra representa para os soteropolitanos e para turistas ao redor do mundo, já que trabalhos como os que Lina realizou ainda repercutem. “Pessoas de diversos países sempre nos procuram para conhecer os espaços onde ela interveio, a exemplo do Teatro Gregório de Matos, Casa do Benin e o Coaty”.

 

Food trucks, aulas de gastronomia e a Feira da Cidade estão entre as atrações do evento marcado para celebrar a chegada da estação

Entre os dias 22 e 25 de setembro, turistas e cidadãos soteropolitanos contarão com uma vasta programação gastronômica em celebração à chegada da Primavera. Food trucks, aulas de gastronomia e a Feira da Cidade terão opção para todos os gostos em diversos locais, a exemplo do Parque da Cidade, Rio Vermelho e Avenida Centenário.

A partir da quinta-feira (22) até o sábado (24), a Praça Caramuru vira um restaurante a céu aberto, sempre às 15h, com uma Cozinha Show especial, feita em parceria com a com o apoio do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio) e da Nestlé Professional, e ministrada por chefs de cozinha de toda a cidade.

Estão confirmados os chefs Cristiano Santos e Jander Moura, do Restaurante Senac Casa do Comércio; Beto Pimentel, do Restaurante Paraíso Tropical; Gabriel Lobo, do Sagaz; Camila Crichigno e Rafael Stavale, do Coz2 Garage; Celso Vieira, do Pasta em Casa; Fabrício Lemos, do Origem; Luciano Alves, da Nestlé; Arthur Barbosa, do RV Lounge; Ricardo Silva, do Bento Boteco; José Morchon, do Shanti e La Taperia; Marcelo Lerner, do Caminho de Casa; Leila Carreiro, do Dona Mariquita; Tereza Paim, da Casa de Tereza; além de Leka Hattori, curadora do evento.

Hattori ministrará um curso específico para as crianças, com preparação de hambúrguer de queijo coalho e brigadeiro de banana da terra. De acordo com Hattori, todos os pratos apresentados terão como tema a Riqueza da Baía de Todos os Santos, das diversas regiões de Salvador. No total, serão abertas 50 vagas para cada apresentação dos chefs, e a inscrição será por ordem de chegada. Os pratos apresentados serão degustados por todos que participarem das aulas.

O chef Gabriel Lobo, do restaurante Sagaz e do Guerrilha Food Truck, além de participar do com seu caminhão servindo burgers, baião de dois e paella no Parque da Cidade, vai ministrar uma aula show onde vai preparar uma trilogia de tapas, ou aperitivos e petiscos oriundos da Espanha. “Fiquei muito feliz em ser chamado para o evento. Sendo um empresário do Rio Vermelho e chef reconhecido, aceitei o convite”. O chef afirmou que dará um toque baiano às tapas, preparando pratos com o “Huevo a Flamenca”, com base de moqueca de camarão, chuchu e ovo, a “Croqueta de Bobó”, um bolinho de aipim com base de bobó de camarão, e por último o Pintxo (outro nome para tapas) de Filé e Cogumelos, temperados com alho e mostarda.

O chef Beto Pimentel, com seu alto astral e animação, trará um pouco do seu Paraíso Tropical para o Rio Vermelho. “Quando recebi o convite, fiquei muito feliz. É uma grande alegria participar de algo que só vai fomentar a gastronomia e o turismo em Salvador. A cidade está linda, o baiano voltou a ter autoestima, a gostar da cidade e participar desse evento, que reúne de tudo. E levar a gastronomia para a população só dá alegrias”, disse Pimentel. O chef vai apresentar o prato “Baía Traquina”, uma moqueca de aratu, tarioba, preguari e mapé, mariscos oriundos da Baía de Todos-os-Santos, acompanhados de maxixe, mamão verde e lâminas de coco verde.

Parque da Cidade – Na entrada principal do Parque da Cidade, o Bahia Food Park vai aportar pela primeira vez no Festival da Primavera com os food trucks e seus diferentes pratos, que vão desde hambúrgueres a crepes, yakissoba, coxinha e pastéis variados. Segundo Leka Hattori, do Leka Food Truck, a ideia para esta edição especial é inovar com alguns pratos, testando novos sabores para agradar o paladar soteropolitano. Com valores de R$ 5 a R$ 20, o espaço funcionará nos dias 24 e 25 de setembro, das 11h às 17h. No domingo (25), o espaço contará com uma edição especial da Cozinha Show, com muitas surpresas.

Feira da Cidade – Nos dias 24 e 25, das 11h às 20h, o canteiro central da Avenida Centenário recebe uma edição especial da Feira da Cidade, celebrando a chegada da primavera. O evento comemora dois anos de criação do projeto, que começou como B.I.G. CHEFS RUA, e passou a ser chamado Feira da Cidade a partir do Festival da Primavera de 2014.

Nessa edição, contará com uma megaestrutura, três palcos para apresentações musicais e 150 participantes, entre stands de burgers, docinhos, churros, e também de feira de vinis, sebo, roupas, acessórios e cervejas artesanais. A Feira é a maior praça de alimentação a céu aberto no Festival da Primavera e promete muitas novidades. Entre elas, mais uma vez, um mega bolo de aniversário, o festival Minha Banda na Feira, com diversas bandas autorais do cenário soteropolitano e também uma cabine de DJs que vão se apresentar.

Para o público infantil, a Feira da Cidade promete uma vasta programação, com direito a piquenique, café da manhã tanto no sábado quanto no domingo e apresentações teatrais para animar os pequenos. Quem escolher celebrar a nova estação no local também contará com o espaço Canteiros Coletivos, oficina de jardinagem no domingo (25) e roda de leitura com o projeto Livres Livros. Já os amantes da cachaça terão um espaço especial dedicado à bebida, em comemoração ao Dia Nacional da Cachaça, comemorado em 13 de setembro.

Para Carla Maciel, idealizadora e organizadora do evento, a Feira, que começou como um projeto piloto, é importante para os poderes se unirem pela cidade, pela cultura que Salvador precisa e merece. “O calendário da cidade precisa ser composto por eventos importantes que a população conheça e quer que aconteça. A Feira é isso. Temos a cidade amando e abraçando o projeto de janeiro a janeiro. A Feira é um agente transformador e desejamos sempre compartilhar esse amor pela cidade com moradores e turistas, desenhando um lugar bom para se viver”, completou Maciel.

A programação completa da Cozinha Show e dos demais eventos que farão parte do Festival da Primavera podem ser conferidos através do sitefestivaldaprimavera.salvador.ba.gov.br.

 

Maior evento ciclístico do ano será no próximo dia 25, dentro do Festival da Primavera, que terá uma série de atividades para benefício do corpo

O Movimento Salvador Vai de Bike, em parceria com o grupo de pedal Amigos de Bike, irá realizar no próximo dia 25, a partir das 8h, o 11° Encontro Cicloturístico da Primavera, o maior evento ciclístico do ano. O passeio terá saída do Farol de Itapuã, seguindo toda Orla atlântica passando pelo Farol da Barra, chegando até o Mercado Modelo. Depois, os ciclistas voltam em direção ao Mercado do Peixe, no Rio Vermelho, finalizando no Centro de Tradições Gaúchas, em Pituaçu. Para participar, os interessados devem levar 1 kg de alimento não perecível para o local de saída do evento.

Este evento é parte do Festival da Primavera, que acontece entre os dias 21 e 30 de setembro, no Centro Histórico, Rio Vermelho, Parque da Cidade, Barra, Mercado Modelo e Avenida Magalhães Neto. Várias ações serão promovidas para o público fitness e também para aqueles que gostam de se manter em atividade, seja através de aulas funcionais, dança afro, yoga, capoeira e até mesmo para os que curtem pedalar.

Casa do Benin – A Casa do Benin, no Centro Histórico, também terá atividades para benefício do corpo. Nos dias 21, 26 e 28, das 10h às 12h, tem aula de dança afro, direcionada a amadores e interessados no campo das tradições africanas, dança e terapia. As aulas são ministradas pelo professor Amilton Lino. Já no dia 22, das 19h às 21h, tem aula de capoeira com a Associação Cultural Grupo Gangara. O grupo foi criado por Alcidinaldo Souza de Jesus, conhecido como Mestre Nal, em 2000, no bairro de São Caetano.

Já nos dias 27 e 29, das 14h30 às 17h, o Projeto Made in Bahia - Slleyk Bahia Dance promove um intercâmbio entre a cultura local e a cultura de outros países, através de aulas de dança, teatro e música. Todas as atividades serão realizadas no Espaço Jeje-Nagô, Anexo da Casa do Benin.

Parque da Cidade – Se você ainda está sem programação para o dia 24 e é apreciador da arte marcial chinesa Tai Chi Chuan, pode aproveitar a aula com o professor Edson Carvalho, que começa às 7h, na Praça Confúcio, ou optar pela yoga, que será realizada pelo instituto Arte de Viver no mesmo horário, no Parque da Cidade

Após as aulas de yoga, tem alongamento às 9h, e, a partir das 10h, aula de power pneu e fitdance com professores da academia Alpha Fitness. Até as 11h será possível participar também das aulas de slackline. E das 11h às 12h, aula de zumba, com o professor Jaguar. Todas as atividades serão realizadas no Tablado Gramado do Parque da Cidade. As ações do dia 24 se repetem no dia 25.

Para quem é aventureiro e curte adrenalina, tem como opção o Campeonato de Skate Amador, que será realizado com apoio da Federação de Skateboard do Estado da Bahia (Fesep), e está programado para acontecer nos dias 24 e 25, das 10h às 17h, na Pista de Skate Chorão, dentro do Parque da Cidade.

O campeonato tem um diferencial: conta como pontuação para aqueles que competem dentro do campeonato baiano. Os skatistas que fazem parte do circuito participam livremente da competição, já os demais precisam fazer a homologação junto à Feseb, no local do evento, até às 10h do sábado. Para o feminino, não é preciso fazer a homologação. A participação é livre.

 

A Fundação Cidade-Mãe (FCM) abriu nesta quarta-feira (27) 120 vagas para o curso de assistente administrativo.  A atividade será oferecida gratuitamente para os moradores dos bairros do Engenho Velho de Brotas e Cajazeiras e terá duração de um ano e meio. Todos os participantes receberão meio salário mínimo. O público-alvo são jovens com faixa etária entre 16 e 21 anos.

Para participar dos cursos, é necessário apresentar RG, CPF, comprovante de residência, histórico escolar, cinco fotos 3x4, título de eleitor e carteira de trabalho. O atendimento na fundação ocorre das 8:30 ás 11:30h e das 13:30 às 16:30h, nos dias 27 e 28/07/2016. Somente no mês de julho, 400 alunos já foram matriculados nos cursos de gastronomia, cidadania digital e assistente administrativo oferecidos pela instituição.

O curso de gastronomia é voltado para mulheres de comunidades que querem incrementar o próprio negocio do ramo alimentício. Tem duração de duas semanas e é realizado na unidade da FCM no bairro Saramandaia. O curso cidadania digital é direcionado para jovens que cumprem medidas protetivas e acontece na sede da fundação, localizada no distrito Bariri, no Engenho Velho de Brotas e o de assistente administrativo será iniciado na primeira semana de agosto, também realizado na sede da FCM.

 “Desde o início dos projetos, nós já atendemos mais de três mil pessoas. Queremos que esses jovens tenham sentimento de pertencimento em relação às suas comunidades, com respeito e dignidade. O nosso papel aqui na fundação é despertá-los para que desenvolvam essa autoconfiança, além de prepará-los para o mercado de trabalho”, disse a presidente da FCM, Risalva Telles.

 

O Castramóvel, serviço de castração de animais prestado pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), vinculado à Secretária Municipal da Saúde (SMS), chegou com a ação no bairro Boa Vista de São Caetano, nesta segunda-feira (4), na Unidade de Saúde da Família (USF), localizada na Rua Rodovia A, onde permanecerá até o fim do mês de julho. No próximo mês, seguirá para o distrito sanitário de Itapagipe.

 

 

Para realizar a castração dos animais, é necessário levar até a unidade, sempre às segundas ou terças-feiras, das 8h às 12h, cartão do SUS, documento de identificação com foto do dono ou voluntário do animal e cartão de vacina antirrábica atualizado. Nos dois primeiros dias da semana, os gatos e cachorros passarão por cadastramento e triagem no Castramóvel. Nas quartas, quintas e sextas-feiras, de acordo com a data e horário agendado, o animal será castrado.

 

 

Podem ser esterilizados animais com idades de seis meses até cinco anos. A coordenação do serviço recomenda aos proprietários que não levem animais doentes, fêmeas no cio, gestantes e infestados de parasitas. Mais de 5500 animais já foram castrados até o momento em Salvador.

 

Para o médico veterinário Aroldo Carneiro “com a castração evita-se reprodução indesejada, previne-se doenças que esses animais podem transmitir, bem como ajuda a diminuir o número de animais abandonados, além dos animais castrados viverem mais”.

A Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (Semps) oferece através do Serviço Municipal de Intermediação de Mão-de-obra (Simm) 149 vagas de emprego para terça-feira (07.10).

Os interessados deverão ir a um dos postos do Simm, no Comércio - Rua Miguel Calmon, 382; no Cabula - Praça da Mangueira, 84, em Cajazeiras - Estrada do Coqueiro Grande, 1.902; na Boca do Rio - Rua Abelardo Andrade de Carvalho, 141, anexo ao Colégio Imeja; em Itapuã - Avenida Dorival Caymmi, s/nº, dentro da Feira de Itapuã, levando originais da Carteira de Trabalho, carteira de Identidade, CPF, comprovantes de residência e histórico escolar, além do número do PIS, Pasep ou NIS.

O atendimento é feito das 8h às 17h, mediante distribuição de senhas, que são entregues a partir das 6h30. O público conta ainda com um ponto de atendimento do Simm na Estação Ferroviária da Calçada, nas instalações da Agência da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE), cujo horário de atendimento é das 8 às 14h. As vagas podem ser preenchidas ao longo do dia.

Os candidatos podem usufruir, também, do atendimento por hora marcada, que funciona das 08 às 16 horas, pelo telefone 2203-2016 ou 0800-2853111 para ligações gratuitas.

VAGAS DO SIMM   07.10.2014

Auxiliar de carga e descarga

Ensino médio completo, sexo masculino, 6 meses de experiência.

30 vagas

Instalador de antenas de televisão

Ensino médio completo, habilitação A/B, necessário possuir moto, 6 meses de experiência.

15 vagas

Instalador de antenas de televisão

Ensino médio completo, habilitação A ou B, não exige experiência.

15 vagas

Auxiliar de limpeza (vaga exclusiva para pessoas com deficiência)

Ensino fundamental completo, não exige experiência.

5 vagas

Pizzaiolo

Ensino médio completo, sexo masculino, imprescindível vivencia e pizzaria, vaga zoneada para os bairros de Nordeste de Amaralina, Santa Cruz, Pernambués, Brotas, Boca do Rio, Vale dos Rios, Liberdade, São Marcos e Pau da Lima, 6 meses de experiência.

5 vagas

Garçom

Ensino médio completo, sexo masculino, imprescindível vivencia e pizzaria, vaga zoneada para os bairros de Nordeste de Amaralina, Santa Cruz, Pernambués, Brotas, Boca do Rio, Vale dos Rios, Liberdade, São Marcos e Pau da Lima, 6 meses de experiência.

5 vagas

Balconista de lanchonete

Ensino médio incompleto, sexo masculino, 6 meses de experiência.

4 vagas

Ajudante de pizzaiolo

Ensino médio incompleto, sexo masculino, imprescindível vivencia em pizzaria, vaga zoneada para os bairros de Nordeste de Amaralina, Santa Cruz, Pernambués, Brotas, Boca do Rio, Vale dos Rios, Liberdade, São Marcos e Pau da Lima, 6 meses de experiência.

3 vagas

Operador de caixa

Ensino médio completo, sexo feminino, imprescindível experiência com caixa em restaurante, 6 meses de experiência.

3 vagas

Vendedor interno

Ensino médio completo, sexo masculino, 6 meses de experiência.

3 vagas

Auxiliar de limpeza

Ensino médio incompleto, imprescindível vivência em pizzaria ou restaurante, vaga zoneada para Nordeste de Amaralina, Santa Cruz, Pernambués, Brotas, Boca do Rio, Vale dos Rios, Liberdade, São Marcos e Pau da Lima, 6 meses de experiência.

3 vagas

Atendente de lanchonete

Ensino médio completo, vaga zoneada para os bairros de Pernambués e Cabula, não exige experiência.

2 vagas

Mecânico eletricista de ar condicionado de automóveis

Ensino médio completo, sexo masculino, 3 meses de experiência.

2 vagas

Cozinheiro de pizzaria

Ensino médio completo, sexo masculino, imprescindível vivencia e pizzaria, vaga zoneada para os bairros de Nordeste de Amaralina, Santa Cruz, Brotas, Vale dos Rios, São Marcos, Pau da Lima, Liberdade e Pernambués, 6 meses de experiência.

2 vagas

Vendedor interno

Ensino médio completo, 6 meses de experiência.

2 vagas

Auxiliar de padeiro

Ensino médio completo, sexo masculino, 6 meses de experiência.

2 vagas

Auxiliar de cozinha

Ensino médio completo, sexo masculino, imprescindível vivencia em pizzaria, vaga zoneada para os bairros de Nordeste de Amaralina, Santa Cruz, Pernambués, Brotas, Boca do Rio, Vale dos Rios, Liberdade, São Marcos e Pau da Lima, 6 meses de experiência.

2 vagas

Mecânico de bicicleta

Ensino fundamental completo, sexo masculino, 6 meses de experiência.

2 vagas

Ajudante de carga e descarga (vaga exclusiva para pessoa com deficiência)  

Ensino fundamental completo, não exige experiência.

2 vagas

Garçom

Ensino médio completo, sexo masculino, vaga zoneada para os bairros da Pituba, Barra e adjacências, 6 meses de experiência.

2 vagas

Mensageiro

Ensino médio completo, 6 meses de experiência.

2 vagas

Mecânico de veículos

Ensino médio incompleto, sexo masculino, habilitação B, 6 meses de experiência.

2 vagas

Vendedor interno

Ensino superior incompleto em arquitetura, design de interiores e áreas afins, sexo masculino, 6 meses de experiência.

2 vagas

Mecânico de refrigeração

Ensino médio completo, sexo masculino, vaga zoneada para os bairros de Vale das Pedrinhas, Federação, Vila Matos, Rio Vermelho, Amarlina e Nordeste de Amaralina, 6 meses de experiência.

2 vagas

Cozinheiro de restaurante

Ensino fundamental completo, sexo masculino, vaga zoneada para o bairro de Castelo Branco e adjacências, 6 meses de experiência.

2 vagas

Pizzaiolo

Ensino fundamental completo, sexo masculino, vaga zoneada para o bairro de Castelo Branco e adjacências, 6 meses de experiência.

2 vagas

Contínuo  

Ensino médio completo, sexo masculino, vaga zoneada para os bairros da Avenida Suburbana, 6 meses de experiência.

2 vagas

Promotor de vendas

Ensino médio completo, 6 meses de experiência.

2 vagas

Motoboy

Ensino médio completo, sexo masculino, habilitação A, não exige experiência.

1 vaga

Lavador e Passador de roupas  

Ensino fundamental completo, vaga zoneada para os bairros da Avenida Suburbana e adjacências, 6 meses de experiência.

1 vaga

Cozinheiro geral

Ensino médio incompleto, vaga zoneada para os bairros da Avenida Suburbana e adjacências, 6 meses de experiência.

 1 vaga

Balanceador

Ensino fundamental in completo, sexo masculino, 3 meses de experiência.

1 vaga

Auxiliar de produtor de eventos

Ensino superior completo em publicidade e propaganda, marketing, relações públicas, produção de eventos, administração e turismo, 6 meses de experiência.

1 vaga

Costureira em geral

Ensino médio completo, 6 meses de experiência.

1 vaga

Esteticista depiladora

Ensino médio completo, sexo feminino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Cabo de turma de limpeza

Ensino médio completo, vaga zoneada para bairros próximos a Lauro de Freitas, 6 meses de experiência.

1 vaga

Churrasqueiro

Ensino fundamental completo, sexo masculino, vaga zoneada para o bairro de Castelo Branco e adjacências, 6 meses de experiência.

1 vaga

Cozinheiro de restaurante

Ensino médio incompleto, sexo feminino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Chefe de produção

Ensino médio completo, sexo feminino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Manicure

Ensino médio completo, sexo feminino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Mecânico de automóvel

Ensino médio completo, habilitação B, 6 meses de experiência.

1 vaga

Servente de pedreiro (temporária)  

Ensino fundamental incompleto, sexo masculino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Produtor de eventos

Ensino superior completo em publicidade e propaganda, marketing, relações públicas, produção de eventos, administração e turismo, habilitação B, possuir carro, 6 meses de experiência.

1 vaga

Vendedor interno

Ensino médio completo, sexo masculino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Auxiliar financeiro

Ensino médio completo, sexo masculino, habilitação A e B, vaga zoneada para os bairros da Cidade Baixa e Avenida Suburbana, 6 meses de experiência.

1 vaga

Almoxarife

Ensino médio completo, sexo masculino, vaga zoneada para o bairro de Cajazeiras e adjacências, 6 meses de experiência.

1 vaga

Recepcionista atendente

Ensino médio completo, vaga zoneada para Camaçari, 6 meses de experiência.

1 vaga

Operador de empilhadeira

Ensino médio completo, habitação B, sexo masculino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Técnico em segurança do trabalho

Ensino médio completo, imprescindível possuir curso técnico em segurança do trabalho, 6 meses de experiência.

1 vaga

Promotor de vendas

Ensino médio completo, habilitação A e B, sexo masculino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Mensageiro

Ensino médio completo, habilitação B, sexo masculino, 6 meses de experiência.

1 vaga

Técnico de manutenção de extintores

Ensino médio incompleto, sexo masculino, 6 meses de experiência.

1 vaga

 

A Secretaria Municipal da Ordem Pública (Semop) intensificou, nesta sexta-feira (15), o ordenamento e fiscalização dos ambulantes e comerciantes da Orla da Barra. O trabalho dos 44 agentes do órgão vai desde o Porto da Barra até o Morro do Cristo, abrangendo também as transversais.

 

De acordo com Iuri Dias, coordenador de feiras e mercados da Semop, existem aproximadamente 50 ambulantes no bairro, mas a determinação é que apenas vendedores de coco, acarajé e souvenir fiquem na Orla, reduzindo o número para 27 comerciantes informais. Dias complementa que os vendedores de caldo de cana, picolés e bijuterias, além de e lanches em geral, ficarão nas transversais. Em um outro momento, haverá uma consulta aos ambulantes para saber se desejam permanecer ou mudar de atividade.

 

No início, os comerciantes de rua vão trabalhar com o próprio equipamento, que deverá ser retirado até à noite. As baianas de acarajé receberão toldos padronizados, que também não poderão permanecer no local indefinidamente. No total, três equipes da Semop atuam pela manhã, tarde e noite, com rondas durante todo o dia e de forma ostensiva das 16h às 22h, além dos agentes que circulam em veículo para possível apreensão de material irregular. 

 

Os agentes de fiscalização se dividem em duplas que vão do Farol da Barra até o Barra Center, do Morro do Cristo até a Marquês de Caravelas, do Farol da Barra até o Forte Santa Maria e outra apenas no Porto da Barra. De acordo com Joel Rocha, supervisor dos agentes que atuam na Barra, o trabalho da Semop é de conscientização. "Em último caso fazemos a apreensão", completou. Ainda segundo o supervisor, a palavra de ordem é organizar. "A lei exige e vamos cumprir".

 

A baiana Sara Santos, que trabalha há 20 anos com a mãe Sônia em frente ao Edifício Oceania, apoia o trabalho da Prefeitura. "Se só houver a ordenação e poder ficar no mesmo lugar é bom. A Barra está bonita e tem muitos vendedores antigos, é preciso ordenamento, padronizar, pra não virar bagunça. Mas aos poucos está melhorando, dá pra ver as mudanças", disse a jovem.

 

Subcategorias