Quarta-Feira , 19 Junho 2019
0
0
0
s2sdefault

 

 

O sucesso do projeto Viver Barra, bastante conhecido por soteropolitanos e turistas, rendeu frutos e já aporta em mais um local a partir desta sexta-feira: o charmoso e boêmio bairro do Rio Vermelho. Promovido pela Prefeitura por meio da Empresa Salvador Turismo (Saltur), o Viver Rio Vermelho estreia nesta sexta-feira (13), às 18h, no Largo da Mariquita.

 

O público poderá conferir gratuitamente o som do Grupo Ponta de Dedo - Orquestra de Cordas Dedilhadas, composta com cerca de 50 jovens de 9 a 29 anos que tocam músicas populares brasileiras e jazzísticas com instrumentos a cordas dedilhadas como bandolim, cavaquinho, ukulelê, guitarra baiana, violão de seis e sete cordas e baixo elétrico. Logo depois, será a vez da Bahia Brass, um quinteto formado por Helder Passinho Jr. e Lucas Felipe (trompete), Orlando Afanador (trompa), Michele Girardi (trombone) e Jamberê Cerqueira (tuba), onde a interação das diferentes artes leva a plateia a viver experiências únicas e divertidas. As duas atrações fazem parte do Neojibá.

 

Para o presidente da Saltur, Isaac Edington, o projeto Viver Rio Vermelho vai agregar ainda mais o calendário de verão da Prefeitura, “Abrimos as portas para os eventos de verão. Agora é movimentar ainda mais os espaços públicos da cidade e levar as famílias e os turistas para a rua, para curtirem as férias e se divertirem. Temos muita coisa legal vinda daqui até o Carnaval”, destaca o gestor.

 

Viver Barra - Outra opção também para hoje (13) é o Viver Barra, que mais uma vez vai levar música e muita animação para o deck do Forte de Santa Maria. As apresentações são gratuitas e começam durante o pôr do sol. Por volta das 18h, o cantor Guga Meyra leva sua musicalidade para o palco, apresentando músicas autorais do novo CD, “#NossoLance”, e interpretações de diversos artistas.

 

Em seguida, a banda Ceguêra de Nó sobe ao palco com o melhor do forró baiano com toque paraibano. São cinco integrantes que misturam a formação tradicional de grupos de forró e trios nordestinos com instrumentos elétricos como guitarra e baixo, e que prometem agitar o público.

0
0
0
s2sdefault