Terça-Feira , 30 Maio 2017

 

Na antiga estrutura, eram 550 pessoas atendidas por dia, e agora o número chega a 780

 

Inaugurada no dia 28 de março, um dia antes do aniversário de Salvador, a nova sede do Serviço Municipal de Intermediação de Mão-de-obra (SIMM) – localizada no Edifício Ouro Preto, na Rua Miguel Calmon, no Comércio – tem feito uma média diária de 780 atendimentos para quem vai ao local em busca de uma vaga de emprego e de capacitações gratuitas. Na antiga instalação, a média de pessoas atendidas era 550 por dia.

 

A ampliação na quantidade de atendimento é apenas um dos reflexos positivos da intervenção da Prefeitura, que, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Semtel), deu aos soteropolitanos uma estrutura mais confortável e acessível aos trabalhadores. “Em tempo recorde, conseguimos desativar as antigas instalações e procuramos dar continuidade ao trabalho que já era feito, só que com mais confortabilidade”, ressalta o titular da Semtel, Geraldo Júnior.

 

A pasta segue promovendo incrementos nas atividades de capacitações para profissionalização e aperfeiçoamento de mão-de-obra. Neste mês, três oficinas gratuitas foram realizadas na nova sede: uma sobre como transformar ideia em modelo de negócio, outra sobre desenvolvimento profissional e outra sobre oratória. Na próxima terça-feira (25), das 8h às 9h30, acontecerá no local a última oficina do mês. O tema será Atendimento ao Cliente.

 

Não é necessário fazer qualquer inscrição prévia, basta apenas estar presente no SIMM. A unidade possui dois auditórios, com capacidade para 30 ou 60 pessoas. Nos dois últimos meses, o SIMM já encaminhou 113 trabalhadores ao mercado de trabalho. A expectativa do órgão até o final abril é conduzir mais 119. Dentre as empresas que mais ofertaram vagas neste ano estão Contax, a Pizza Hut e estabelecimentos dos setores de bares e restaurantes.

 

A Semtel pretende, no futuro, estabelecer parcerias através de termos de cooperação técnica com a Faculdade Batista Brasileira, com a Faculdade Maurício de Nassau e Universidade Católica de Salvador (UCSal) para treinamento de profissionais nas mais diversas áreas, dentro das próprias instituições de ensino.