Segunda-Feira , 21 Outubro 2019
0
0
0
s2sdefault

Foto: Bruno Concha - SECOM

O Caminhão da Biometria, projeto que prevê contemplar diversas regiões no estado da Bahia levando à população serviços de regularização da situação eleitoral, esteve nesta sexta-feira (6) em seu último destino na capital baiana. Os moradores da região de Cajazeiras foram beneficiados com atendimentos realizados no Campo da Pronaica, entre 9h às 16h, atendendo o total de 120 pessoas. A iniciativa é uma parceria da Prefeitura com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Com a ação, a expectativa é que sejam feitos uma média de 180 a 200 atendimentos diários durante a realização do projeto pelo estado.

A ideia é facilitar o acesso da população aos serviços de revisão de dados, alistamento, emissão da 2° via do título de eleitor e transferência. Durante o dia foram disponibilizados oito kits para a realização dos serviços que têm a capacidade de atender cerca de 30 eleitores por hora. Na ocasião, 11 profissionais do TRE estiveram realizando os atendimentos. No total, oito atendentes e duas responsáveis foram disponibilizados para agendar atendimentos para eleitores que não conseguirem atendimento no local, além de um responsável do setor da Tecnologia da Informação, para prestar assistência técnica em casos de erros no sistema.

O cidadão que não estiver com a situação regularizada junto ao TRE poderá perder o direito ao voto. A medida visa reforçar no eleitor a importância de garantir a inibição de fraudes durante o processo eleitoral. O Caminhão da Biometria atende exclusivamente por demanda espontânea, nessa primeira fase. Para ser atendido no local, o cidadão só precisa apresentar a documento oficial com foto.

Nos casos de alistamento, emissão da primeira via do título de eleitor, não é aceito o modelo antigo de passaporte, por não conter a filiação; a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) também não é válida como documento de identificação, pois não contém nacionalidade/naturalidade. Além disso, para homens de 18 a 45 anos de idade, é obrigatório apresentar o comprovante de quitação militar - carteira de reservista ou certificado de alistamento militar.

Com a parceria da imprensa e da Prefeitura, a população local compareceu para regularizar a situação ou tirar seu primeiro título. Para a dona de casa Joselita Nascimento Silva, de 60 anos, "a ação é um benefício importante à população, facilitando o atendimento". Joselita aproveitou a oportunidade para emitir a segunda via e realizou a mudança do local de votação. "Eu moro na Fazenda Independência, mas votava no final de linha da Boca do Rio. Tinha optado por não votar mais. Mas agora, não tem jeito. Então, vim fazer a segunda via. Aqui já é mais próximo, coloquei para votar aqui pertinho. Essa ação é importante para o nosso benefício? A gente não tem oportunidade e com uma chance dessas, facilita muito as coisas. O atendimento foi rapidinho", contou.

O segurança Fernando Josemar Fonseca de Carvalho, 38, não havia feito a biometria e aproveitou o momento para regularizar a sua situação. "Eu vim regularizar o título, a biometria, etc. Não consegui fazer o cadastramento biométrico. A minha expectativa é ser atendido logo. O caminhão facilita para a população porque fica perto de casa. Eu moro na Fazenda Independência. E aqui não tem aquele transtorno como da outra vez, no TRE", sinalizou.

Confira os próximos destinos do Caminhão da Biometria:

10 e 11/9 – Conde

13/09 – Povoado Coqueiro, no município de Jandaíra

16 e 17/09 – Coronel João Sá

18, 19 e 20/09 – Pedro Alexandre

0
0
0
s2sdefault