Segunda-Feira , 13 Julho 2020
0
0
0
s2sdefault

Foto: Jefferson Peixoto - SECOM

Muita gente apareceu na manhã deste sábado (27) na orla da Barra para fazer a tradicional caminhada ou outros tipos de exercício físico, a exemplo da corrida e da pedalada. Só que essas pessoas encontraram um cenário diferente, diante do protocolo adotado pela Prefeitura entre o Porto e o Barra Center para garantir a segurança das pessoas e as medidas de distanciamento social.

Entre as novidades estão os quatro postos de controle montados pela Guarda Civil Municipal GCM) no Porto da Barra, no Farol, no Barra Center e no Hospital Espanhol. Só passa quem está usando máscara. Quem não tinha o utensílio de proteção ganhou dos guardas que fazem valer o cumprimento das medidas.

Além disso, foram colocadas oito estações de higienização das mãos, sendo duas delas em cada posto de controle da GCM. Nessas estações é possível lavar as mãos com água e sabão. E mais: os bancos e mobiliários em toda a extensão do percurso foram retirados para gerar mais espaço para o pedestre fazer caminhadas e exercícios físicos. Não é permitido o estacionamento de veículos.

Os guardas municipais também fazem a orientação do fluxo das pessoas: no lado da praia, os cidadãos são instruídos a seguir no sentido Barra Center ao Farol. Do lado oposto, o sentido de deslocamento é o contrário, do Farol ao Barra Center. Isso para reforçar o distanciamento social.

Vale ressaltar que não está permitido o comércio de ambulantes no calçadão. O acesso à praia continua interditado. Também não é permitido o acesso ao Farol da Barra, que teve o entorno do gramado tapumado.

Avaliação do primeiro sábado - Segundo avaliação da GCM, houve aprovação e respeito ao protocolo, que foi adotado como projeto piloto na orla da Barra diante das cenas de grandes aglomerações flagradas na localidade há duas semanas. "Hoje, no primeiro sábado de protocolo, foi extremamente positivo. As pessoas não só respeitaram como apoiaram", disse o diretor municipal de Segurança Urbana e Prevenção à Violência, Maurício Lima.

O protocolo de segurança libera esse trecho da orla da Barra apenas para a prática de caminhadas e outras atividades físicas das 5h às 22h, e o acesso da população só é permitido com o uso de máscara de proteção.

0
0
0
s2sdefault