Terça-Feira , 12 Dezembro 2017

 

Dezenove estabelecimentos — entre restaurantes, sorveterias e cafés —, do Pelourinho e do Largo do São Francisco abrirão as portas neste domingo (08), a partir das 11h, para a primeira edição do Domingo Gastronômico - Culinária Baiana Original com Arte. A ação compõe o Pelourinho Dia e Noite, promovido pela Prefeitura e coordenado pela Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult), por meio da Diretoria de Gestão do Centro Histórico.

A iniciativa promove a criação de cardápios a partir de receitas descritas no livro “Arte Culinária na Bahia”, de 1916, de Manuel Querino, e visa reafirmar aspectos marcantes da culinária baiana. “Associamos a tradição da culinária baiana às expressões artísticas da nossa cultura para entreter e oferecer uma nova experiência aos soteropolitanos e turistas que visitarem o Centro Histórico”, afirma o gestor da Secult, Claudio Tinoco.

Os cardápios — entrada, prato principal e sobremesa — possuem preços de, no máximo R$ 50,00. Entre os pratos oferecidos estarão galinha ao molho pardo e sarapatel de carneiro; caldinho de feijão e feijoada completa; bolas de inhame com feijão de leite e xinxim de galinha; angú encubado; polenta de milho e peixe com pirão e legumes; moqueca de peixe e de ovos; bolinho de aipim com queijo coalho; mini acarajés e moqueca de camarão.

Arte - A partir das 12h30, as experiências gastronômicas vão ser harmonizadas com cenas de dramaturgia, criadas pela escritora e dramaturga Aninha Franco. As encenações vão ser realizadas em diversos restaurantes participantes da ação e terão à frente da direção Rita Assemany.

Os atores Carlos Betão, Amos Heber, Bruno Roma, Dino Brasil, Diogo Teixeira e Zé Carlos interpretarão, em cenas curtas, diversos personagens da cultura baiana, a exemplo do poeta Gregório de Mattos, o babalorixá Joãozinho da Goméia, o político Cosme de Farias ou os rebeldes Lucas Dantas e Manuel Faustino, da Sedição dos Alfaiates.

A intérprete Wil Carvalho cantará, no Cuco Bistrô, “Composições Receitas”, um gênero criado pelo sambista Batatinha para a Feijoada, e repetido por muitos compositores.

No mesmo dia, também serão realizadas atrações para o público infantil e a Feira de Artes e Encantos do Sagrado, no Montepio do Artistas, no Largo do São Francisco. Serão expostas obras originais de 25 artesãos baianos.

Além disso, haverá a abertura à visitação do sobrado que abriga, desde 1883, a Sociedade Protetora dos Desvalidos, fundada em 1827 por um grupo de 19 homens negros livres e que tinha como propósito angariar e poupar recursos financeiros de seus associados para comprar alforrias.

Os estabelecimentos participantes são: CGC Café Gourmet, Cuco Bistrô, Villa Bahia, Axégo, Dona Chika-Ká, Odoyá, Cantina da Lua, Ponto do Vital, Café Conosco, Uauá, Maria Mata Mouro, Romã, Sorriso de Dadá, Alaíde do Feijão, Coliseu, La Porte, Marrom Marfim, Cravinho, Pão Pelô, A Cubana.