Segunda-Feira , 12 Novembro 2018
0
0
0
s2sdefault

A Guarda Civil Municipal informa ter tomado conhecimento do sobre uma denúncia de agressão realizada durante uma blitz da Transalvador, na Rua Alfazema, Caminho das Árvores, e ressalta não compactuar com nenhum tipo de violência. O órgão solicitou que a Corregedoria faça o levantamento de todas as informações relativas à operação que estava sendo realizada, bem como dos agentes presentes.

A Corregedoria irá apurar o fato e adotar as medidas cabíveis, a partir da abertura de Processo Administrativo Disciplinar. “A Guarda Civil Municipal tem no seu propósito proporcionar conforto e segurança ao cidadão. É inadmissível comportamentos dessa natureza. Acompanharei pessoalmente as providências da Corregedoria”, afirmou o diretor de Segurança Urbana e Prevenção à Violência, Maurício Lima.

“O norte da nossa instituição é a prevenção à violência. Todos os nossos agentes são capacitados a agirem da maneira mais cordial possível com o cidadão. Não coadunamos com nenhuma ação que venha ser evidenciada como excessiva, indicando à Corregedoria a tomada das providências cabíveis, respeitando sempre o devido processo legal e a ampla defesa para legitimar os atos processuais administrativos”, completou o inspetor-geral da Guarda, Alysson Carvalho.

0
0
0
s2sdefault