Segunda-Feira , 19 Novembro 2018
0
0
0
s2sdefault

Os mais de 400 alunos da Escolab do bairro de Coutos poderão desenvolver habilidades como a capacidade de resolver problemas, criatividade, colaboração e a comunicação de forma lúdica, através das ferramentas do “Mini Maker Lab” - método de aprendizagem da área de robótica -, que foram entregues à instituição na manhã desta quarta-feira (31).

Através da parceria da Secretaria Municipal de Educação (Smed) com a Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (Secis), essa foi a segunda Escolab a receber os kits - a primeira foi a unidade da Boca do Rio. Os kits de robótica são formados pelo Box, uma caixa de circuito; o Craf, bloco de monitor; e o Cold Table, tabuleiro com peças, que ajudarão os alunos a desenvolverem atividades tecnológicas.

A iniciativa apresenta alternativas de aprendizado que integram as novas tecnologias ao universo infantil. "O mundo é digital e essas crianças precisam começar a estudar e entender como tudo isso funciona. Vimos essa oportunidade de inserção através do 'Mini Maker Lab', que possibilitará o conhecimento de forma inovadora e prazerosa”, afirma o titular da Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (Secis), André Fraga.

“Colocar essas crianças em contato com esses produtos vai ajudá-las a desenvolverem a competência necessária para, futuramente, estarem no mercado de trabalho. Estamos preparando-as para o futuro”, afirma um dos idealizadores do projeto, Peterson Lobato.

Aluna do 5º ano da Escola Municipal Alto de Coutos, Geisa Silva, de 11 anos, que futuramente pretende atuar na área de robótica, conta a própria experiência na Escolab. “Aqui aprendemos muitas coisas boas e sempre fazemos as atividades de uma forma legal. Gosto muito de estar aqui e cada dia que passa eu aprendo mais”, declara.

“Nosso objetivo é proporcionar aos alunos vivências inovadoras através do contato com a tecnologia, mas de modo que essa inovação seja útil para a vida dessas crianças. Nosso espaço está cumprindo a proposta de desenvolver nessas crianças competências que, no futuro, serão muito importante para elas”, diretora da Escolab, Alba Menezes.

0
0
0
s2sdefault