Terça-Feira , 11 Agosto 2020
0
0
0
s2sdefault

O bairro da Barra foi o escolhido para receber a terceira edição da Blitz do Turismo, realizada nesta quarta-feira (8) pela Prefeitura de Salvador, através da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult), em parceria com o Conselho Municipal do Turismo (Comtur). A iniciativa inspeciona os principais roteiros turísticos da cidade.

A atuação dos barraqueiros, que "reservam" trechos da areia com suas cadeiras, além da necessidade de implantação de mais sanitários e o assédio a turistas foram as principais irregularidades encontradas no local. O roteiro realizado nesta quarta (8) iniciou no Forte São Diogo, passou pelo Forte Santa Maria, Farol da Barra e finalizou no Cristo. Pelo menos 30 irregularidades foram encontradas durante a visita.

A necessidade de instalação de mais lixeiras, o número de ambulantes presentes nas praias e a necessidade de manutenção do cais localizado ao lado do Forte Santa Maria também foi notado pela equipe.

Nas últimas duas edições da Blitz do Turismo, os roteiros foram feitos no Comércio e no Centro Histórico de Salvador (Pelourinho - Santo Antônio Além do Carmo).

As irregularidades encontradas nas primeiras edições já foram compiladas e entregues aos órgãos responsáveis, das três esferas: municipal, estadual e federal. O relatório é finalizado e entregue em até 48 horas úteis após a realização da inspeção.

"Uma reunião será feita posteriormente com os secretários das entidades municipais correspondentes às irregularidades identificadas. Na reunião as ações que foram tomadas pelos órgãos serão expostas", explicou o secretário de Cultura e Turismo Claudio Tinoco.

"Todas as irregularidades estão sendo anotadas e encaminhadas em um prazo pequeno para que os órgãos tenham tempo para solucionar as questões", acrescentou Tinoco.

A Blitz contou com a presença de representantes da Salvador Destination, do Sindicato dos Guias de Turismo do Estado da Bahia (Singtur-BA), da Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav-BA), Sindicato de Empresas do Turismo (Sindetur) e da Associação De Agências Operadoras De Receptivos Da Bahia (Abre-BA).

Para o superintendente da ABAV-BA, Claudio Almeida, a realização da Blitz do Turismo irá auxiliar principalmente na área de receptivo. "A iniciativa da prefeitura é muito importante e essa ação irá auxiliar bastante o nosso trabalho. Alguns ajustes pequenos podem melhorar, por exemplo, a impressão que os turistas ficam da abordagem excessiva dos ambulantes", disse Almeida.

O presidente da Salvador Destination, Roberto Duran, destacou que as ações desempenhadas auxiliam na maior receptividade dos turistas.

"Obviamente que uma das maiores questões do nosso país é a social. Encontramos com pessoas em situação de rua, que são coisas que exigem maiores intervenções, mas identificamos questões que podem ser resolvidas a curto prazo, como questões de limpeza, manutenção e de mobilidade", afirmou Duran.

0
0
0
s2sdefault