Segunda-Feira , 13 Julho 2020
0
0
0
s2sdefault

Depois de distribuir 2,4 mil toneladas de alimentos para os alunos da rede municipal, a Secretaria Municipal da Educação (Smed) inicia, nesta segunda-feira (4), mais uma etapa de entrega de cestas básicas. Novamente, serão cerca de 163 mil unidades, que abrangem os estudantes das unidades municipais, das creches comunitárias conveniadas e os matriculados na rede privada através do Pé na Escola. Até sexta-feira (8), a distribuição das cestas básicas será feita nas escolas e creches localizadas na área de abrangência das gerências regionais de Educação (GREs) de São Caetano e Liberdade/Cidade Baixa.

O cronograma das entregas pode ser acessado no site da Smed e os responsáveis pelos alunos devem ligar para a escola ou para a GRE para confirmar a data e o horário para buscar a cesta. Na segunda semana de maio, entre os dias 11 e 15, começa a distribuição nas unidades das GREs Centro, Subúrbio II e Cajazeiras. De 18 a 22 de maio, é a vez das gerências regionais Orla, Pirajá e Itapuã. No período de 25 a 29, a distribuição ocorre nas GREs Cabula e Subúrbio I, bem como para os alunos do Pé na Escola. As creches comunitárias conveniadas seguirão o cronograma das GREs.

De acordo com o secretário municipal da Educação, Bruno Barral, cada aluno de escolas próprias ou conveniadas receberá uma cesta básica. “Essa iniciativa se refere ao segundo mês de suspensão de aulas em razão da pandemia do coronavírus. Entendemos a importância da alimentação escolar, que, em muitos casos, representa a única refeição diária do aluno. Por isso, desde o início da medida restritiva nos preocupamos em garantir esse alimento. Assim foi no primeiro mês e, agora, com a necessidade de prorrogação do isolamento social, faremos novamente”, garante o secretário.

Barral alerta para a importância de os responsáveis ligarem antes de ir para a escola. “É preciso tomar todas as precauções para evitar a disseminação do vírus. Então, peço aos pais, mães e responsáveis que só se dirijam à escola na data e horário marcados para evitar aglomeração, lembrando de usar a máscara, conforme exigência normativa do município”, reforça.

Atividades – O secretário lembra ainda que, junto com as cestas, ocorre a distribuição das atividades semanais para os alunos fazerem em casa, bem como a recepção dos exercícios já preenchidos. Os materiais vão compor um portfólio que servirá de base de dados para mensurar o nível de aprendizado dos alunos e de elaboração de estratégias pedagógicas para o ensino pós-pandemia.

 

0
0
0
s2sdefault