Segunda-Feira , 18 Janeiro 2021
0
0
0
s2sdefault

Com a passagem do tradicional cortejo de fiéis pelas ruas do Comércio e outras vias da Cidade Baixa durante a Lavagem do Bonfim, todos os anos os órgãos municipais que funcionam na região têm expediente modificado por conta do festejo. Mas, excepcionalmente neste ano de pandemia e com programação virtual, sem a presença de público, o funcionamento será normal nesta quinta-feira (14).

De acordo com a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador), não haverá qualquer interdição do tráfego nas ruas da região da Cidade Baixa. Com isso, o atendimento ao público ocorrerá sem alterações no Serviço Municipal de Intermediação de Mão de Obra (Simm) e no Centro Unificado de Inclusão, Desenvolvimento, Assistência e Referência Social (Cuidar).

Além disso, terão funcionamento normal as secretarias de Cultura e Turismo (Secult), Sustentabilidade e Resiliência (Secis), Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra), Saúde (SMS), Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), e Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ), dentre outras estruturas municipais.

Programação – A celebração neste ano deverá ser feita com cautela e em casa. Não haverá o cortejo com a lavagem das escadarias da Basílica Santuário do Nosso Senhor do Bonfim. A imagem do Senhor do Bonfim sairá nesta quinta-feira, às 8h, da Igreja da Nossa Senhora da Vitória, na Vitória.

Em carro aberto, seguirá pela Avenida Sete de Setembro até chegar ao Terreiro de Jesus, no Pelourinho. Saindo do Centro Histórico, seguirá pela Rua Carlos Gomes e desde a Avenida Lafayete Coutinho (Contorno). Do Comércio, irá até a Colina Sagrada passando pelas avenidas Jequitaia, Fernandes da Cunha e Dendezeiros.

Também haverá duas missas na Basílica do Bonfim: às 7h20 e às 17h. Além disso, após o percurso feito com a imagem do Senhor do Bonfim, o padre Edson Menezes dará uma bênção especial aos fiéis, a partir das 10h. As atividades serão transmitidas através da WebTV do Bonfim (canal do YouTube) e das redes sociais do Santuário.

 

0
0
0
s2sdefault